Mano Menezes admite falhas em vitória do Inter e revela o que pensa da disputa entre Keiller e Daniel

Técnico colorado fez a sua análise em coletiva sobre o triunfo para cima do Goiás em casa

Publicidade

Mesmo satisfeito com a vitória de 4×2 sobre o Goiás e com a manutenção da boa fase do Inter no Brasileirão, o técnico Mano Menezes admitiu “mais falhas do que o normal” no jogo desta manhã de domingo no Beira-Rio. Em coletiva de imprensa após a partida, o comandante ainda detalhou os critérios que levaram o goleiro Keiller a superar Daniel na titularidade:

Mais falhas que o normal

Veja também:
1 De 6.010

“Alguns problemas foram em função de não termos entrado tão concentrados como deveríamos. Mas a sequência, o horário do jogo, isso tudo acaba afetando no planejamento. Hoje cometemos mais falhas do que o normal”

Mais análise da partida

“De um modo geral fomos bem, houve uma jogada no segundo tempo que quase tomamos um gol. Mas neste momento temos que saber preencher os espaços para evitar que a bola chegue nos atacantes. O jogo ficou um pouco solto, tivemos mais liberdade com os meias, mas tivemos problemas com o espaço. Tivemos que ser mais maduros no segundo tempo, o Goiás baixou bem as linhas e precisamos acelerar o jogo para achar os espaços”

Pedro Henrique e Wanderson

“Para um jogador com o perfil do Pedro Henrique, é muito difícil manter o mesmo nível de intensidade ao todo jogo. Tirar ele foi importante para dar ritmo ao Wanderson, já que ele vai ficar de fora pelo terceiro cartão”

Keiller e Daniel

“Era o que eu falava lá atrás, para ter calma, para não perdermos e matarmos um jogador por semana. Temos é que ganhar um jogador por semana. As coisas aconteceram naturalmente. Mexer com goleiros é complicado, e o Keiller estava preparado para a oportunidade que surgiu. Ele está provando dentro de campo que merece ser titular”

VEJA MAIS NOTÍCIAS:

Canal WhatsApp - Zona Mista Inter

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas