Presidente do Inter faz pronunciamento após empate, reclama de pênalti e pede mais apoio da torcida

Alessandro Barcellos se manifestou depois de Inter 1x1 Atlético-GO

Publicidade

Logo depois da forte coletiva do técnico Eduardo Coudet, o presidente Alessandro Barcellos fez um pronunciamento à imprensa para repercutir fatos de Inter 1×1 Atlético-GO no Beira-Rio, pelo Brasileirão, neste domingo. Inicialmente, ele fez duras críticas à arbitragem comandada por Edina Alves, especialmente pelo pênalti não dado em Gabriel Mercado – reveja o lance aqui.

“Um assunto recorrente, difícil, ruim para o futebol brasileiro, mas eu desafio a olharem novamente o lance claríssimo de pênalti no Gabriel Mercado. Claríssimo. Canais nacionais, internacionais, fazerem os seus debates. Desafio a dizer que não foi. O plano aberto mostra claramente que a bola já estava em jogo. Temos o VAR e a árbitra estava perto do lance. E a jogada passou batida. Merecíamos a vitória e isso não serve de desculpa, mas precisamos registrar isso. A gente tem visto muita coisa acontecer e nada é feito”, lamentou Barcellos, antes de ampliar:

“Vocês viram quantas vezes o nosso gol passou no telão? E o deles passou quantas? Certeza que não bateu na cabeça do jogador? Deveria ser igual. É fundamental. Torci muito para que esta arbitragem tivesse sucesso, pela questão inovadora, pelas mulheres estarem no comando. Mas não posso deixar de registrar um erro crucial para o fim da partida”.

Presidente do Inter quer mais apoio

Barcellos, da mesma forma que Coudet, também pediu mais apoio da torcida do Inter nos jogos no Beira-Rio. A começar já pela quarta-feira, 21h30, diante do Juventude, pela ida da terceira fase da Copa do Brasil:

“Nós precisamos do torcedor e do Beira-Rio lotado e pulsante. Vamos trabalhar para ver o que é possível para mobilizar o torcedor na quarta-feira contra o Juventude. É um jogo fundamental e precisamos da ajuda do torcedor. Sabemos que o torcedor colorado faz a diferença. Estamos enfrentando rivais que têm suas torcidas que empurram e cantam até o final. Por isso, queremos o Beira-Rio sendo o nosso diferencial”, finalizou o mandatário.

Ajude o Rio Grande do Sul – Doe pelo PIX – CNPJ: 92.958.800/0001-38

Ajude o Rio Grande do Sul
Chave PIX - CNPJ: 92.958.800/0001-38 Instituição: Banrisul Nome: SOS Rio Grande do Sul