Grêmio não esconde importância da partida de terça pela Libertadores: “Mais uma decisão”

Tricolor sabe da necessidade de um bom resultado diante do Estudiantes

Publicidade

Depois de conseguir se recuperar no Brasileirão após iniciar perdendo para o Vasco, obtendo vitórias em série sobre Athletico e Cuiabá na Arena, o Grêmio se prepara visando o retorno dos jogos da Libertadores neste meio de semana. Ainda sem pontos no seu grupo na competição, o tricolor enfrenta o Estudiantes, na Argentina, nesta terça-feira, a partir das 19h.

Internamente, o Grêmio sabe da necessidade de pontuar para seguir tendo chances reais de se classificar na chave, já que começou a competição continental com duas derrotas – este é o seu pior início em fase de grupos de Libertadores na história. Por isso, o discurso é de “decisão” em La Plata.

Veja também:
1 De 5.921

“Sempre bom ganhar, a gente estava focado totalmente no jogo de hoje. A partir de amanhã começo a pensar na Libertadores, mais uma decisão que a gente tem a cada três dias. Estou rodando o grupo por uma questão de necessidade também, porque não dá. Não é possível jogar com a mesma equipe assim”, disse Renato Portaluppi, treinador do time, depois da vitória de sábado contra o Cuiabá.

“Nos próximos três jogos, são três competições diferentes. Por isso é importante ter um grupo grande e bom. São três competições difíceis e a gente sempre entra para ganhar”, ampliou.

Grêmio com mudanças

Um dos problemas que Renato vem enfrentando é na lateral-esquerda, que está desfalcada e deverá ter Fabio como titular na Argentina. Uma provável escalação gremista tem: Marchesín; João Pedro, Geromel, Kannemann e Fabio; Villasanti, Pepê e Cristaldo; Soteldo, Gustavo Nunes e Diego Costa (JP Galvão).

Ajude o Rio Grande do Sul – Doe pelo PIX – CNPJ: 92.958.800/0001-38

Ajude o Rio Grande do Sul
Chave PIX - CNPJ: 92.958.800/0001-38 Instituição: Banrisul Nome: SOS Rio Grande do Sul

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas