fbpx

Grêmio espera por Borja nesta terça-feira e dará adicional para ampliar atual salário do centroavante

Centroavante colombiano será o primeiro reforço gremista nesta volta da era Felipão

A reabertura da janela de transferências neste princípio de mês de agosto trará ao Grêmio o primeiro reforço da era Felipão: Miguel Borja, centroavante colombiano de 28 anos que pertence ao Palmeiras e estava emprestado ao Junior Barranquilla, da Colômbia.

A informação divulgada pelo Globoesporte mais cedo é de que o atleta é esperado em Porto Alegre nesta terça-feira para realizar exames médicos. É possível que o jogador esteja na Arena vendo o jogo contra o Vitória pela Copa do Brasil.

A mudança em relação às informações que vinham sendo dadas é sobre o salário. O Grêmio, segundo a ESPN, arcará com os atuais 500 mil reais pagos pelo Palmeiras e ainda dará um acréscimo que fará os vencimentos chegarem a 800 mil.

Borja, no tricolor, reencontrará Luiz Felipe Scolari, o Felipão, com quem foi campeão brasileiro com o próprio Palmeiras em 2018. Assim que fizer os exames e estiver inscrito, o jogador já poderá atuar de forma imediata pelo Grêmio.

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas