Grêmio consulta situação de Leandro Damião e não consegue viabilizar vinda de Tiquinho Soares

Direção corre contra o tempo para buscar nomes para jogar ainda no Gauchão

Publicidade

Em busca de um centroavante que possa ocupar a vaga deixada por Suárez, o Grêmio avalia o mercado e tenta encontrar alternativas viáveis para esta lacuna, algo que, até agora, ainda não aconteceu. O desejo do clube é fechar com reforços até o prazo do dia 16 de fevereiro, que é o limite para a inscrição de jogadores ainda para a disputa do Gauchão.

Um dos nomes que surgiu nas últimas horas foi o do ex-colorado Leandro Damião, de 34 anos, que está novamente livre no mercado após deixar o Kasawaki Frontale, do Japão. Segundo o repórter Diego Torbes, ele foi “sondado” pelo Grêmio. Porém, o seu destino deverá ser o Coritiba, que disputará a Série B desta temporada.

“O Grêmio sondou a situação do atacante Leandro Damião. Contudo, o atacante de 34 anos já está acertado com o Coritiba. Livre no mercado após rescindir com o Kawasaki Frontale, recebeu contatos de clubes do Brasil, Turquia e China”, informou Torbes.

Grêmio não consegue tirar Tiquinho Soares do Botafogo

Outro centroavante tentado, desta vez de forma mais veemente, foi Tiquinho Soares. O site Globoesporte.com informa que o Grêmio apresentou uma oferta de 4 milhões de euros (R$ 21,3 milhões pela cotação atual), que acabou sendo rejeitada pela direção do Botafogo.

“Após algumas semanas com especulações na imprensa sobre minha possível transferência, gostaria de esclarecer aos torcedores botafoguenses que eu estou focado no clube. Estou muito feliz aqui e tenho contrato. Desde quando cheguei até hoje, recebi um enorme carinho de todos e quero retribuir dentro de campo. Vamos juntos em busca dos objetivos no ano”, afirmou Tiquinho, recentemente.

Além de um centroavante, o Grêmio também gostaria de mais um lateral-esquerdo, um jogador de meio-campo e um ponta de velocidade.

LEIA MAIS:

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas