Grêmio ainda não procurou Celso Rigo para ajudar em contratações de jogadores para 2024

Investidor afirma não ter sido chamado pelo presidente Alberto Guerra até o momento

Publicidade

Tradicional apoiador do Grêmio em investimentos e aporte para contratações, o empresário Celso Rigo ainda não foi chamado pelo presidente Alberto Guerra para ajudar em reforços para 2024. A situação é diferente de 2023, quando ele se tornou decisivo nas vindas dos gringos Luis Suárez, Felipe Carballo e Franco Cristaldo – os dois últimos seguem no clube para esta temporada.

Em entrevista concedida ao site GZH nesta terça-feira, Rigo mostrou entender que Guerra, preocupado com as finanças gremistas, está buscando outras fontes de recursos para contratar:

“Não estou vendo essa disposição do presidente Guerra. Observo ele trabalhando com muita responsabilidade com o orçamento. Acredito que esteja vendo outros tipos de receitas para viabilizar as contratações. Foi algo pontual comigo (investimento em Suárez). Não precisa ser uma norma. O presidente faz uma gestão com uma forma de buscar receitas. Não vejo nenhuma predisposição ele em buscar aporte de recursos. Ele estuda oportunidades de contratações dentro do orçamento do clube”, disse Rigo, antes de ampliar:

“Gostaria, como qualquer torcedor, que o clube viabilizasse boas contratações para termos sucesso lá na frente. Mas somos maduros de entender que existe a hora certa de fazer. Como temos prazo pela frente, acredito que a direção trará reforços dentro das suas condições financeiras”.

Suárez
Suárez foi para o Grêmio em 2023 com ajuda de Celso Rigo – Foto: Lucas Uebel/Divulgação

O que o Grêmio ainda busca?

Após contratar o goleiro Agustín Marchesín, o volante Dodi e o meia-atacante Soteldo, o Grêmio concentra as suas forças no mercado para ter um novo centroavante, já que a vaga de Suárez segue disponível. No momento, o tricolor tem JP Galvão, André Henrique e Everton Galdino como opções no setor.

Leia mais:

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)