Galhardo faz gol em retorno, se emociona e crê em título: “Não sei se nesses 41 anos o clube esteve tão perto”

Meia-atacante voltou de lesão e marcou o segundo gol da vitória de 2x0 diante do Vasco

Publicidade

Após ver a sua ida ao Al Hilal, da Arábia Saudita, não se concretizar, o meia-atacante Thiago Galhardo voltou ao Inter em grande estilo e se emocionou ao fazer o segundo gol da vitória de 2×0 fora de casa sobre o Vasco da Gama, neste domingo, em São Januário, no Rio de Janeiro.

Como o Flamengo venceu o Corinthians por 2×0 no Maracanã, o Inter segue líder por apenas um ponto: 69×68. Mesmo assim, Galhardo entende que o time está pronto para vencer uma taça que não vem desde 1979:

“Falo que foi a volta dos que não foram. Uma negociação boa pro clube, pra mim também, mas em nenhum momento quis sair. Clube que tenho conseguido grandes coisas, cheguei à Seleção com esse grupo, não poderia ficar fora desses três jogos. Independentemente do que vai acontecer, é um lindo caminho que trilhamos”, disse, antes de aumentar:

“Dedico à minha avó, já falecida, esse gol. Fico feliz, quero parabenizar o grupo e o Abel, que chega a uma marca histórica como o treinador com mais jogos aqui. Acho que estamos preparados para ser campeões. Não sei se nesses 41 anos o clube esteve tão perto, sendo líder faltando dois jogos. Temos uma semana para focar no Flamengo, um grande clube, teremos duas finais”, ampliou.

Agora, o Inter terá uma semana inteira para voltar ao Rio de Janeiro e fazer a final antecipada contra o Flamengo, domingo, às 16h.

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Inter em tempo real. (Clique Aqui)