“A cobrança é proporcional ao clube que está”, diz ex-jogador do Inter sobre caso de Robert Renan

Zagueiro colorado errou um pênalti de cavadinha diante do Juventude em casa

Publicidade

A cavadinha de pênalti perdida por Robert Renan segue dando assunto entre torcedores do Inter e nas redes sociais. Até porque, depois de três dias de total silêncio, o zagueiro se manifestou na web e pediu desculpas pelo erro que contribuiu diretamente para a queda colorada para o Juventude, segunda-feira, no Beira-Rio, pela semifinal do Gauchão.

Até o momento da publicação desta reportagem, mais de 12 mil comentários foram escritos no post de Robert Renan entre torcedores e ex-colegas. Um deles é o volante Gustavo Campanharo, que recentemente saiu do Inter para jogar no Atlético-GO. “Cabeça boa pra passar pelo processo! A cobrança é proporcional ao clube que está. Deus te abençoe”, postou o ex-colorado.

"A cobrança é proporcional ao clube que está", diz ex-jogador do Inter sobre caso de Robert Renan

As desculpas do zagueiro do Inter

Emprestado pelo Zenit, da Rússia, até dezembro deste ano, Robert Renan pediu uma segunda chance para dar a volta por cima com a camisa do Inter. E negou ter faltado com o respeito mesmo cobrando daquela maneira:

“Não vai ser com um pedido de desculpas que o meu erro será apagado. Mas o primeiro passo é pedir desculpas à torcida colorada, ao grupo de jogadores, à comissão técnica e aos funcionários. Prometo manter meu profissionalismo no dia a dia para ter a chance de me recuperar com todos. Estou muito triste pelo que aconteceu e por ter decepcionado o clube”, comentou, para depois terminar:

“Em nenhum momento quis faltar com respeito ou fazer brincadeira. A única coisa que posso fazer neste momento é trabalhar muito, treinar cada vez mais forte e tentar reconquistar o carinho de toda a torcida, que sempre me tratou da melhor forma desde o primeiro dia que estive aqui. Peço que considerem esse pedido, pois vou dar a volta por cima. Sou jovem e tenho muito a aprender. Assumo a responsabilidade, assumo o risco! Como sempre foi na minha vida, eu sou assim, e voltarei mais forte”.

Ajude o Rio Grande do Sul – Doe pelo PIX – CNPJ: 92.958.800/0001-38

Ajude o Rio Grande do Sul
Chave PIX - CNPJ: 92.958.800/0001-38 Instituição: Banrisul Nome: SOS Rio Grande do Sul