fbpx

Dirigente do Inter se irrita com rumores de venda de Johnny e fala sobre possível volta de D’Alessandro ao clube

Executivo de futebol Paulo Bracks concedeu entrevista à Rádio Gre-Nal nesta sexta-feira

Rumores que cresceram nas redes sociais envolvendo uma possível venda do volante Johnny ao futebol espanhol irritaram Paulo Bracks, executivo de futebol do Inter, que deixou claro o seu descontentamento sobre o assunto em entrevista dada nesta tarde à Rádio Gre-Nal.

Johnny não vem sendo assíduo no time, mas é considerado patrimônio do clube e jogador a ser potencializado com o tempo – o ex-técnico colorado Miguel Ángel Ramírez chegou a dizer algumas vezes que ele seria o “5 do futuro do clube”.

“Surgiu uma irresponsável notícia de que o Johnny recebeu uma proposta e queria saber. Só se mandaram pra outro clube, que não o Internacional. Isso é uma grande irresponsabilidade, uma rede de mentiras”, disse Bracks.

Um outro tema abordado pelo dirigente na mesma entrevista foi um possível retorno de D’Alessandro. Nesta sexta-feira, o UOL Esporte trouxe a informação de que o meia deverá se aposentar em dezembro e que o Inter já estuda a possibilidade de tentá-lo para o cargo de coordenador-técnico:

“O D’Alessandro tem um ótimo contato conosco ainda, mas não temos nenhum nome em pauta para esse cargo. Hoje nós temos uma coordenação técnica, que vem exercendo essa função junto do treinador, sua comissão e outros. Hoje não temos esse desejo (trazer um coordenador), estamos satisfeitos”, acrescentou o executivo.

Em campo, o Inter volta a jogar pelo Brasileirão neste domingo, a partir das 18h15, fora de casa, diante do Flamengo.

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas