Diego Costa nega rótulo de “herói” e relembra drama no Rio Grande do Sul: “Algo muito feio”

Centroavante foi titular na vitória de 4x0 sobre o The Strongest no Couto Pereira

Publicidade

Autor da assistência para o gol de Soteldo, que abriu a vitória do Grêmio por 4×0 sobre o The Strongest, o centroavante Diego Costa concedeu entrevista depois da partida pela Libertadores no Couto Pereira-PR e relembrou a sua ajuda nos salvamentos de vítimas da enchente no Rio Grande do Sul. Por morar em condomínio em Eldorado do Sul, ele auxiliou com resgate em jet-skis e deu apoio até para jovens da base gremista que estavam ilhados no CT Hélio Dourado.

Diego Costa, porém, avalia ter feito apenas o básico, nada além do “normal”, descartando completamente o rótulo de “herói” em meio à dramática tragédia:

Veja também:
1 De 5.992

“Eu particularmente não vejo nada além do normal. Estamos aqui para ajudar o próximo. Acho que me colocar como herói não me cabe, porque eu acho que, na vida, a gente está aqui para poder ajudar o próximo. Anormal é não ajudar quem precisa. Naquele momento, eu acho que não foi questão de querer ser herói, nem nada, eu estava ali pra poder ajudar. E num momento como esse, não tem nem o que pensar. É o básico da vida”, disse Diego Costa, antes de acrescentar:

“Eu me ponho na posição de que temos o privilégio, porque nós estamos fazendo o que nós amamos. (nós jogadores) somos as pessoas menos afetadas. Infelizmente, como sempre na vida, quem mais sofre é o pobre. Sem condições nem rumo de um futuro melhor. Mas existe esperança. O futuro da humanidade é promissor. O povo ajudou o povo. Está de parabéns o povo do Rio Grande do Sul e o brasileiro. Foi algo muito feio o que aconteceu e que o pessoal siga doando, porque o pior vem agora”.

Um trecho da entrevista de Diego Costa:

Grêmio vivo na Libertadores

O triunfo desta quarta deixou o Grêmio vivo na briga pela segunda vaga do grupo na Libertadores. Agora, o time está em 3° com 6 pontos contra 8 pts do 2°, o Huachipato, que é o próximo rival na terça que vem, às 21h, no Chile. Quem vencer, assegura a classificação às oitavas. Se empatar, o tricolor precisará vencer o já eliminado Estudiantes no dia 8, novamente no Couto Pereira.

MAIS NOTÍCIAS:

Canal WhatsApp - Zona Mista Grêmio
Entre no canal e ative o sininho para receber as notificações

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas