Diego Costa explica escolha pelo Grêmio e admite conversa decisiva com Renato: “Fenômeno”

Centroavante chega ao tricolor com a missão de ser o substituto de Luis Suárez

Publicidade

Desde a última segunda-feira, o centroavante Diego Costa já trabalha com as cores do Grêmio entre baterias de exames médicos, testes físicos e exercícios no campo. O foco do jogador de 35 anos é estar, o quanto antes, na forma ideal para poder começar a jogar pelo clube, que precisava de um atleta desta posição desde a saída de Suárez. À emissora oficial gremista, Diego concedeu uma primeira entrevista e falou com muito carinho do técnico Renato Portaluppi:

O interesse do Grêmio

No começo, recebi uma ligação do Brum dizendo que existia o interesse e a possibilidade de poder vir ao Grêmio. Em seguida, falei com o Renato, que foi fundamental nesse momento. Para eu saber o que ele pensava, o que ele queria de mim. Ele me passou confiança, falou que queria contar com o meu trabalho e foi rápido. De um dia para o outro, as coisas aconteceram. Não teve muito o que pensar não. Eles me explicaram tudo aqui dentro e eu sei da grandeza do Grêmio

Recepção do grupo

O grupo aqui me recebeu muito bem e dá para ver que tem um ambiente muito bom de trabalho. Eu já conhecia o Nathan e já tinha jogado contra o Geromel algumas vezes. Temos amigos em comum. Desde que cheguei, o pessoal me recebeu bem. Vem sendo agradável. Estou feliz por estar aqui e pela primeira sensação que estou tendo no Grêmio. Espero poder retribuir esse carinho

Libertadores

Todos jogadores querem jogar a Libertadores e o Grêmio tem história nesta competição. Poder disputar esse campeonato é algo que motiva bastante. Espero estar preparado. A vontade está lá em cima para poder jogar, estar bem e fazer o melhor para o Grêmio

Renato Portaluppi

Todos os comentários de colegas que já trabalharam com o Renato dizem que ele é um fenômeno. Não só como treinador, mas também como pessoa. Ele sabe ler o momento do jogador. Por ele ter sido um grande jogador… é um ídolo do Grêmio, uma lenda do futebol brasileiro. Foi algo que me motivou, trabalhar com um técnico assim. A questão emocional é importante para o jogador e esse lado humano do Renato faz ele ser diferente. Espero que a nossa conexão possa dar bons frutos e estou ansioso para estar com o grupo no dia a dia

Ajude o Rio Grande do Sul – Doe pelo PIX – CNPJ: 92.958.800/0001-38

Ajude o Rio Grande do Sul
Chave PIX - CNPJ: 92.958.800/0001-38 Instituição: Banrisul Nome: SOS Rio Grande do Sul

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas