Sem Ferreira, Cristaldo vira o camisa 10 do Grêmio; saiba a numeração de Marchesín e Dodi

Meia argentino inicia a temporada de 2024 com bastante moral no elenco gremista

Publicidade

A nova temporada vai marcando algumas mudanças nas numerações de camisas dos jogadores do Grêmio. Na mais significativa delas, o meia-atacante argentino Franco Cristaldo, contratado no começo de 2023 junto ao Huracán, da Argentina, herdou o número 10. A tradicional numeração estampava as costas do atacante Ferreira, que se transferiu ao São Paulo para 2024.

Os outros reforços também já tiveram a numeração determinada pelo clube. Trazido do Celta de Vigo, da Espanha, o goleiro argentino Agustín Marchesín é o novo camisa 1. Ele, porém, não fez a estreia neste sábado fora de casa diante do Caxias, pela primeira rodada do Gauchão. Mesmo tendo o novo contratado disponível, o técnico Renato Portaluppi manteve Caíque. Já o volante Dodi, trazido do Santos, recebeu a 17.

Soteldo recebeu a 7 do Grêmio

Principal reforço da temporada gremista até agora, Yeferson Soteldo, meia-atacante venezuelano que chegou do Santos, recebeu a histórica camisa 7, que já foi de nomes como Paulo Nunes, Luan e Renato Portaluppi no Grêmio. Em coletiva de apresentação, ele admitiu que preferia a 10, mas aceitou a troca:

“Sobre a camisa 7, foi uma decisão difícil, eu gosto da 10. Mas me falaram que seria bom eu usar a 7. Aí eu fui falar com o Renato e ele me disse as coisas que ele sempre fala (risos). ‘Vai entrar com uma cadeira pesada nas costas’. Mas eu gosto de desafios e vim para cá para isso. Quero aprender muito com o Renato. E vai ser lindo, vou tratar de representar da melhor forma”, comentou Soteldo.

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)