Com Seleção na mira, Renato indicou que fez a última renovação com o Grêmio em entrevista antes do vice da Copa do Brasil

Treinador assinou a renovação até dezembro dias antes de perder a final para o Palmeiras

Publicidade

A era Renato Portaluppi no Grêmio parece, enfim, estar com os dias contados. E quem estabeleceu o limite foi o próprio treinador, que, em entrevista à jornalista Marília Ruiz no portal UOL Esporte, admitiu que dificilmente vai fazer uma nova renovação para continuar depois de dezembro de 2021.

Dias antes de ver o time perder a final da Copa do Brasil para o Palmeiras, Renato assinou a renovação até o final deste ano e deu esta declaração antes da derrota de 2×0 no Allianz Parque. O treinador segue motivado em ser chamado para treinar a Seleção:

“Vamos receber reforços, vamos tentar revelar jogadores e ganhar mais títulos aqui. Mas será difícil eu continuar no Grêmio. Vou completar 5 anos. É muito tempo! Acredito que vou terminar essa temporada e depois vou ver. Sonho alto. Todo treinador tem que pensar em Seleção. Lógico que eu respeito o Tite, acho que ele é grande treinador, mas, como ele teve um dia oportunidade dele, eu quero ter a minha”, disse o técnico, antes de finalizar:

“Todo treinador que se garante tem que ter esse sonho na cabeça. Acho que só não pensa em Seleção quem não confia em si próprio. E eu confio no meu trabalho. Se um dia surgir essa oportunidade, é um sonho que eu vou realizar”.

Renato está no Grêmio desde setembro de 2016, sendo o treinador com mais tempo ininterrupto de trabalho entre os grandes clubes brasileiros. Ele já bateu o recorde de jogos no comando tricolor em toda a história e vai para a sua quinta temporada no cargo.

VEJA MAIS – Como Matheus Henrique ficou irritado com Bruno Fuchs neste domingo:

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)