Áudios do VAR indicam como foi a conversa dos árbitros antes da decisão de expulsar Rodinei

Presidente colorado Alessandro Barcellos esteve na CBF nesta segunda-feira para entender o que aconteceu

Insatisfeito com a decisão da arbitragem de expulsar Rodinei no domingo, no início do segundo tempo quando Flamengo e Inter empatavam em 1×1 no Maracanã, o presidente colorado Alessandro Barcellos esteve na CBF nesta segunda-feira para ouvir os áudios do VAR no momento da tomada de decisão do cartão vermelho.

Segundo ele, a decisão de expulsão foi tomada pelo árbitro do VAR, Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral, que convenceu o juiz de campo Raphael Claus – inicialmente, Claus teria entendido como lance acidental e daria apenas o amarelo.

“A expulsão do Rodinei foi decisão do VAR. A interpretação do Raphael Claus na hora é de que o lance foi acidental. O bandeirinha também falou que o lance foi acidental. Mas aí o árbitro do VAR disse que não. Então, o Claus olhou as imagens e foi convencido pelo VAR. Essa comunicação precisa ser melhorada. A interpretação em um lance com imagem aberta é uma. Com imagem fechada, é outra. Expressamos a nossa indignação”, relatou Barcellos em entrevista publicada por GZH.

O dirigente colorado ainda mostrou um compilado de lances parecidos que Claus apitou de forma diferente e pediu a profissionalização dos árbitros:

“Com o banco de dados que o VAR tem de 2019 até agora, há exemplos claros para padronizar os critérios. Senão, continuaremos tendo esse problema. Se um árbitro pensa que é amarelo e outro pensa que é vermelho, aí vai ter o cartão laranja? Tem que padronizar”.

A derrota tirou o Inter do 1° lugar do Brasileirão e promoveu o Flamengo ao posto. Para ser campeão na quinta-feira, a partir das 21h30, o colorado precisa vencer o Corinthians em casa e torcer para que o São Paulo não seja derrotado pelo Fla no Morumbi no mesmo horário.

 

  • Clique aqui para entrar em um grupo de WhatsApp e acompanhar as notícias do seu time.

Utilizamos cookies. Ao continuar acessando este site você estará concordando com as políticas de privacidade. AceitarLer políticas

Políticas & Cookies