A reunião marcada na Alemanha que será decisiva para a contratação de Rafael Borré pela direção do Inter

Atacante colombiano de 28 anos está em tratativas com a direção colorada

Publicidade

Uma reunião a ser feita nos primeiros dias de janeiro entre Rafael Borré e o seu atual clube, o Werder Bremen, da Alemanha, será decisiva para o Inter conseguir efetivar a contratação. No momento, o atacante colombiano curte férias com a família e posteriormente tentará a liberação antecipada do contrato de empréstimo até o meio de 2024 – o clube que detém os seus direitos é o Frankfurt, também da Alemanha.

Na reunião, Borré argumentará do seu interesse de voltar ao futebol sul-americano, já que se agradou com o projeto e as cifras oferecidas pelo Inter. A liberação do Werder Bremen é a última ponta solta da negociação, uma vez que o time gaúcho acertou detalhes nos últimos dias com o Frankfurt. O colorado pagará cerca de 5 milhões de euros, de forma parcelada, para ter o atacante.

A tendência é que o Werder Bremen, para liberar Borré de imediato, faça a exigência de uma compensação financeira. Neste caso, Inter e Frankfurt teriam que decidir sobre quem compensaria o atual time de Borré. Caso o Werder não abra mão do jogador, o colombiano só chegaria ao Beira-Rio no segundo semestre.

Inter quer ter os principais reforços já agora

Um dos compromissos assumidos pelo presidente reeleito Alessandro Barcellos foi, diferentemente de 2023, trazer os principais reforços do elenco já agora. Recentemente, nomes como Rochet, Aránguiz e Enner Valencia chegaram com a temporada em andamento, algo que o clube pretende não repetir. Outros nomes em negociação são o zagueiro Robert Renan e o volante Jean Lucas.

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Inter em tempo real. (Clique Aqui)