Renato explica titulares preservados, elogia Galdino e defende escolha: “Faria tudo de novo”

Sem alguns habituais titulares, Grêmio levou 2x0 em casa do Huachipato

Publicidade

O técnico Renato Portaluppi não demonstrou arrependimento de ter preservado alguns titulares na derrota do Grêmio por 2×0 para o Huachipato, nesta terça-feira, na Arena, pela segunda rodada da fase de grupos da Libertadoresveja como fica a situação do grupo. Nomes como Kannemann, Pepê, Pavón e Gustavo Nunes, que jogam com frequência, ficaram de fora do início desta partida. Veja falas do treinador gremista:

Titulares preservados por Renato

Se você pensar um pouquinho, você vai me dar razão. Se você ficar com o seu pensamento, vai ficar difícil. Mas eu te explico. Jogamos uma decisão no sábado. Um jogo pegado, corrido, com os jogadores cansados. Vou botar os mesmos 11 de novo arriscando ter lesão? Eu tenho um grupo. E botei sangue novo para dar resposta. Todos que entraram vinham bem no estadual, inclusive o Galdino. O jogador que está no grupo do Grêmio precisa dar a resposta quando é chamado. Sou pago para pensar, por isso modifiquei alguns jogadores. O Galdino, no meu entender, estava muito bem no jogo. No segundo tempo, eu precisava de um cara de drible. Minha resposta é essa

Arrependimento?

Eu faria tudo de novo. É difícil de vocês entenderem o meu pensamento. Vocês querem que eu bote o mesmo time cansado para o rival me atropelar na parte física? Eu faria tudo igual. Quando ganhamos o estadual, elogiaram a logística do jogo na Bolívia. Agora, três dias depois, tenho que colocar o meu time cansado em campo. Para daqui a pouco perder atletas por lesão. E mesmo com o placar negativo no jogo de hoje, eu faria tudo de novo

Estreia no Brasileirão e sequência da Libertadores

Agora vou pensar no Brasileirão e na estreia contra o Vasco. Na véspera do próximo jogo da Libertadores, vou pensar. Verei o que tenho em mãos. Não vou quebrar minha cabeça agora. Mais perto da Libertadores, a gente vê o que é melhor para o clube

 

Ajude o Rio Grande do Sul – Doe pelo PIX – CNPJ: 92.958.800/0001-38

Ajude o Rio Grande do Sul
Chave PIX - CNPJ: 92.958.800/0001-38 Instituição: Banrisul Nome: SOS Rio Grande do Sul

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas