Em nova entrevista, Renato comenta postura que teve na Bahia: “Quem não deve, não teme”

Técnico deixou o campo antes do fim do jogo e depois deu forte coletiva de imprensa

Publicidade

O técnico Renato Portaluppi não está nada arrependido das suas atitudes do último sábado, na Arena Fonte Nova, em Salvador, palco da vitória do Bahia de 1×0 sobre o Grêmio. Inicialmente, ele saiu de campo e retirou todos os reservas por não concordar com a expulsão de Diego Costa. Depois, deu uma forte coletiva disparando contra arbitragem, CBF e o “sistema”.

“Sim, eu faria tudo de novo. Quem não deve, não teme. Simplesmente falei a verdade”, declarou o treinador gremista, em novo contato com a reportagem da ESPN Brasil.

A maior irritação de Renato foi pela presença do ex-árbitro Jailson Macedo Freitas na beira de campo. Atualmente, ele é o Presidente da Comissão de Arbitragem da Federação Baiana e teria, segundo o treinador gremista, alertado o quarto árbitro sobre xingamentos de Diego Costa.

Entrevistado pela mesma emissora, o Procurador-Geral do STJD, Ronaldo Piacente, praticamente descartou qualquer punição a Renato: “Ao meu ver não houve abandono nem recusa, houve um protesto e o time continuou em campo jogando normalmente. Críticas todos podem fazer dentro de um limite que não atinja a honra de outrem”, pontuou.

Renato também se manifestou no Instagram

No dia seguinte à derrota em Salvador pelo Brasileirão, Renato se manifestou pelo Instagram e, no post, também repercutiu um pouco mais da sua postura no fim da partida e na coletiva:

“Em relação ao resultado do jogo, Bahia mereceu ganhar. Estamos com a equipe desgastada das viagens e da sequência de jogos que acabam nos prejudicando e nem por isso deixamos de lutar e nos empenhar até o final. Infelizmente tivemos algumas situações lamentáveis ontem que acabam nos desmotivando e nos desgastando ainda mais. Difícil fazer nosso trabalho dessa forma”, escreveu.

Ajude o Rio Grande do Sul – Doe pelo PIX – CNPJ: 92.958.800/0001-38

Ajude o Rio Grande do Sul
Chave PIX - CNPJ: 92.958.800/0001-38 Instituição: Banrisul Nome: SOS Rio Grande do Sul

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas