Renato aplaude Grêmio e volta a citar diferença da folha salarial do Flamengo: “Tem que botar no papel”

Saiba alguns detalhes da coletiva de imprensa de Renato Portaluppi após Flamengo 3x0 Grêmio

Publicidade

Apesar da derrota de 3×0 para o Flamengo neste domingo, no Maracanã, em mais um jogo válido pelo primeiro turno do Brasileirão, o técnico Renato Portaluppi afirmou ter aplaudido os seus jogadores do Grêmio no vestiário. Ele saiu contente com a entrega e com o nível de atuação da equipe, lamentando apenas as várias chances perdidas inclusive com bolas na trave.

“Nos últimos jogos tenho aplaudido minha equipe, quando vencemos. Hoje nós perdemos para um gigante e eu aplaudi meu grupo no vestiário porque eles jogaram e muito. Erros todo mundo comete. Eu vi a final da Champions e as duas equipes também estavam errando. A gente torce para que não aconteçam, mas infelizmente aconteceu”, comentou.

Renato, como já fez em outras ocasiões, voltou a mencionar a diferença entre a folha de pagamento do Grêmio para a do Flamengo:

“Em termos de qualidade, você tem que colocar no papel a folha de pagamento do Flamengo e a folha de pagamento do Grêmio. Mas eu não estou me lamento, acho que nós tivemos foi azar. O Luisito, por exemplo, faltou qualidade para ele? São milagres que a bola não quis entrar. Tem dia que é noite, noite que é dia. Hoje ela não queria entrar”, citou Renato, antes de falar especificamente de Suárez:

“O Suárez é o 4º maior artilheiro do mundo em atividade. É um jogador excepcional. Só jogadores como ele conseguem proporcionar grandes jogadas como as que ele fez hoje. Acho que todo mundo tem visto nos nossos jogos a qualidade que ele tem”.

Renato e o Grêmio de folga

Aproveitando a parada de 10 dias de Data-Fifa para amistosos internacionais, o Grêmio dará folga geral até quinta-feira para o seu grupo. A próxima partida no Brasileirão é apenas no dia 22, em casa, diante do América-MG.

LEIA MAIS:

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)