Renato alerta para sequência de jogos contra os últimos colocados na tabela: “Perigosíssimos”

Grêmio visita o América-MG neste sábado e depois tem o Coritiba na quarta-feira

Feliz com a vitória de virada na Arena sobre o Flamengo na quarta-feira, o técnico Renato Portaluppi não está imaginando nenhum tipo de facilidade nas duas próximas partidas do Grêmio, que vai encarar fora de casa os dois últimos colocados do campeonato. Primeiro, neste sábado, o América-MG, às 19h e depois o Coritiba, na quarta, às 20h.

“Não existe isso de lanterna do campeonato e que não vai ser jogo difícil. Eu vi o jogo do América-MG contra o Corinthians, que empatou aos 50 minutos do segundo tempo. E o América-MG jogou muito bem. Hoje o Athletico ganhou apertado do América-MG. O Coritiba ganhou do Atlético-MG e não mereceu perder em casa para o Palmeiras. Eu vi o jogo. São os lanternas, mas estão vivos e não caíram. São jogos perigosíssimos”, disse Renato.

Veja também:
1 De 6.125

Para o treinador do Grêmio, o mais importante de tudo – independentemente da situação dos rivais – é que o seu time tenha a mesma “entrega” que demonstrou na virada contra o Flamengo:

“O América-MG ainda tem chances matemáticas de escapar, mesmo que seja difícil. O próximo jogo é com a gente. E é a vida deles. Então, já sabemos o que nos espera. E depois temos o Coritiba, que também poderá estar vivo. Não tem jogo fácil não. Todos os times buscam algo no segundo turno, é matar ou morrer. A gente tem que ter a mesma entrega e aí vamos ver no que vai dar”, ampliou.

Renato conta com desfalque e retorno

Agora em 6° na tabela do Brasileirão com 47 pontos, o Grêmio para enfrentar o América-MG neste sábado terá o retorno de Luis Suárez, mas não contará com Kannemann, que ficou suspenso pelo amarelo recebido na quarta-feira contra o Flamengo.

Acesse o canal do nosso WhatsApp e ative o sininho para receber notícias:

Canal WhatsApp - Zona Mista Grêmio
Entre no canal e ative o sininho para receber as notificações

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas