PVC se encanta com o que fez a torcida do Grêmio no Couto Pereira: “É difícil descrever”

Torcedores gremistas lotaram o estádio do Coritiba no empate em 1x1 com o Estudiantes

Publicidade

Comentarista de Grêmio 1×1 Estudiantes pela Libertadores, neste sábado, no Paramount+, o jornalista Paulo Vinícius Coelho, o PVC, ficou encantado com a festa da torcida gremista no Couto Pereira, em Curitiba-PR. Com mais de 32 mil torcedores, o recorde de público do estádio em 2024 foi quebrado e reforçou a ideia de “segunda casa” do tricolor, ainda impossibilitado de usar a sua Arena.

Admirador da história gremista e conhecido por ser um pesquisador do futebol brasileiro, PVC concordou com aqueles que estão dizendo que o Couto Pereira, nestes últimos jogos do Grêmio, está fazendo o antigo Estádio Olímpico ser lembrado.

Veja também:
1 De 5.992

“É difícil descrever o que acontece no Couto Pereira. É impressionante o que faz a torcida do Grêmio. É estranho estar em um lugar que lembra muito um outro lugar que não existe mais (Estádio Olímpico)”, disse PVC, durante a transmissão.

“Caminhar pelas ruas próximas ao Couto Pereira, no bairro do Alto da Glória, permitiu assistir a experiências de solidariedade e amor ao futebol. Mais de 30 mil pessoas se espalhava pelas ruas curitibanas, pintadas de azul, branco e preto. ‘Só agora entendi o trânsito pesado na cidade’, disse o motorista do uber, a caminho do Couto Pereira. Foi necessário descer a 500 metros do portão e andar em meio à multidão, que cantava repetidas vezes as canções de amor ao Grêmio”, acrescentou PVC, desta vez em texto no UOL.

Grêmio ainda jogará no Couto Pereira

O duelo deste sábado não foi a despedida do Grêmio do Couto Pereira. Como mostramos nesta reportagem aqui, a direção gremista encaminhou a realização do Gre-Nal do dia 23, pelo Brasileirão, neste mesmo estádio. A Arena segue passando pelo processo de reparos e limpeza, mas ainda não tem data oficial para retornar.

LEIA MAIS NOTÍCIAS:

Canal WhatsApp - Zona Mista Grêmio
Entre no canal e ative o sininho para receber as notificações

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas