Presidente do Inter vê Thiago Maia distante e descarta “necessidade urgente” por novo goleiro

Alessandro Barcellos concedeu declarações em entrevista ao jornalista Vagner Martins

Publicidade

Em busca de um volante que possa ser uma “companhia” a Aránguiz no meio de campo, o Inter permanece no mercado atrás de opções e admite dificuldades para viabilizar a compra de Thiago Maia, do Flamengo. No momento, a dificuldade é entrar em um denominador comum com o clube carioca, que está fazendo uma pedida acima do que os gaúchos planejam pagar.

Em entrevista ao jornalista Vagner Martins neste domingo, no YouTube, o presidente colorado Alessandro Barcellos evitou criticar a postura do Flamengo e confirmou que há avanço com outros volantes no mercado:

“O Flamengo tem uma capacidade grande de investimento. Fez a sua lição de casa lá atrás, trabalhou, teve dificuldades e conseguiu uma virada de página importante. É um case de referência importante para todos nós. Os números mostram que é o clube com maior receita do país. Não é medo. Ele pode ter medo quando começar o jogo, que são 11 contra 11. Em termos de mercado, não existe isso”, afirmou, antes de falar da situação de Thiago Maia e de outros jogadores da posição:

“É uma decisão do clube, que tem a sua forma de agir e a gente tem que respeitar. A gente trata. Temos nos comportado com responsabilidade e com capacidade ainda limitada de investimento. A gente não promete nada que não possa cumprir. E o Flamengo sabe disso. Thiago Maia nos interessa, mas não tem nada avançado ou resolvido. É um processo que está rolando, mas temos outras alternativas e trabalhamos com outros nomes. Quando tiver desdobramento, informaremos”.

Inter
Inter não conseguiu acertar a vinda de Thiago Maia – Foto: Marcelo Cortes/Divulgação/Flamengo

Inter não vê necessidade urgente de buscar goleiro

Mesmo com a lesão de Ivan e com o período ausente de Rochet, que tem desconforto no tórax e ainda se recupera, o Inter não vê uma “necessidade urgente” de buscar outro goleiro. Segundo Barcellos, já era ideia do clube dar mais espaço a Anthoni, que vem sendo titular nos últimos jogos:

“Tivemos esse azar com a lesão do Ivan. Acontece no futebol. Estamos desejando a ele uma plena recuperação. Que seja um momento de superação. Isso acontece com vários atletas e ele voltará forte. É oportunidade para o Anthoni. Que vem jogando e sempre se destacou. Estava nos nossos planos que ele fosse utilizado nesta temporada. Vamos avaliar. Olharemos para o mercado, mas sem uma necessidade urgente. Temos condições até pela volta do Rochet em breve”, concluiu o presidente.

Leia mais:

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Inter em tempo real. (Clique Aqui)