Perto de sair do Inter, Johnny tem encontro com ex-atacante Valdomiro: “Muito especial”

Volante tem transferência encaminhada para a equipe do Real Betis, da Espanha

Muito perto de trocar o Inter pelo Real Betis, da Espanha, o volante Johnny aproveitou uma passagem nesta semana por Criciúma – cidade onde cresceu quando mais jovem – para visitar o ex-atacante colorado Valdomiro, que mora na cidade catarinense. Ambos tiveram uma conversa, trocaram camisas e tiraram fotos que foram parar nas redes sociais oficiais do clube.

Valdomiro, hoje com 77 anos, foi quem mais vestiu a camisa do Inter com um total de 803 jogos. Foram dez estaduais conquistados, além das participações nas campanhas dos três Brasileirões alcançados pelo clube na década de 1970.

Veja também:
1 De 6.127

“Muito especial, reconhecimento de um ídolo do time que me criei, não tem preço, serve de motivação e aprendizado. Ouvir incentivo desse cara não tem preço. Muito feliz em conhecer um pouco da história dele e um pouco do que ele fez no clube do meu coração. Trocamos camisas. Peguei uma camisa do tri do brasileiro. Foi bem especial”, disse Johnny ao site GZH.

Johnny encantou técnico do Inter

Em sua última coletiva antes de sair de férias, o técnico Eduardo Coudet – que ainda negocia a sua renovação com o Inter – falou do quanto Johnny foi importante na temporada:

“Não gosto de falar individualmente, mas Johnny é um grande jogador. Quero agradecer ao financeiro do Inter. Eu pedi pra ele não sair antes do jogo contra o River. Achava importante para as nossas chances na Libertadores. E eles me atenderam. É um grande jogador, e é novo ainda. Acho que pode e vai seguir melhorando”, comentou.

O valor de compra por parte do Betis é na casa de 7 milhões de euros, aproximadamente R$ 37 milhões, com o Inter ainda mantendo uma pequena porcentagem dos direitos para lucrar em nova futura venda. Os clubes, no entanto, ainda não oficializaram a transferência.

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas