Pai de Geromel celebra renovação de contrato, mas tem reclamação a fazer sobre o Grêmio

Valmir Geromel concedeu entrevista à Rádio Gaúcha e falou da situação vivida pelo filho

Publicidade

Em entrevista concedida nos últimos dias à Rádio Gaúcha, o pai de Geromel, Valmir Geromel, celebrou a renovação contratual do filho com o Grêmio por mais seis meses. Mas deixou uma reclamação pela forma como o clube conduziu o tratamento da lesão no joelho do capitão no começo de 2023 – por questões físicas, o atleta fez apenas 7 jogos na temporada.

Geromel teve uma lesão de menisco na última pré-temporada e precisou passar por artroscopia. Em seguida, vem o motivo da reclamação do seu pai:

Veja também:
1 De 6.000

“No dia seguinte da cirurgia, ele foi para a fisioterapia. Segundo os registros de quem conhece, na idade dele não foi o tratamento adequado. Isso funciona com 18 anos, com 37 não. É uma mágoa dele. Fez tudo que pediram. Ele entende que queriam o bem dele e do Grêmio. Mas, infelizmente, de tudo que lemos de pessoas conceituadas, deveria ter sido feito de outra forma. Fisioterapia seria depois de três ou quatro semanas. Mas é uma questão do passado. Houve esse problema, mas está sanado”, lamentou.

A renovação de Geromel

Superado este problema da lesão, Geromel, que acaba de completar 10 anos de Grêmio, espera ter um 2024 muito mais assíduo dentro de campo:

“Pra nós foi uma surpresa bem agradável (o anúncio da renovação). Pedro ficou bem desconfortável com esse ano que passou, por não ter conseguido retribuir ao Grêmio como esperava. Quer se útil para a equipe. A experiência dele vai ajudar muito para ter uma defesa consistente em 2023, algo que não teve”, concluiu o pai do zagueiro gremista.

Canal WhatsApp - Zona Mista Grêmio
Entre no canal e ative o sininho para receber as notificações

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas