Jornalista vê Marcelo Medeiros perdido e compara: “Teve um momento Piffero”

A decisão de demitir Odair Hellmann na última quinta-feira, sem ter um outro treinador em mente e sequer o “perfil” do profissional em vista, levantou críticas sobre o presidente Marcelo Medeiros. Mandatário do Inter desde 2017, ele foi criticado pelo jornalista José Alberto Andrade, da Rádio Gaúcha.

O repórter, neste final de semana, durante a programação da rádio, fez uma comparação com alguns métodos de trabalho adotados pelo ex-presidente Vitorio Piffero, que acumulou diversos erros entre as temporadas de 2015 e 2016 em sua volta ao clube – no último ano, vivenciou de perto o inédito rebaixamento.

Para Andrade, Medeiros teve um “momento Piffero” ao se mostrar sem rumo a partir da demissão de Odair Hellmann. O antigo dirigente, apenas no ano em que o clube caiu, teve quatro treinadores ao longo do Brasileirão, todos com perfis e metodologias diferentes: Argel, Falcão, Celso Roth e Lisca.

Sem Odair, o Inter será treinado de forma interina por Ricardo Colbachini, que vinha comandando o time Sub-23.