Grêmio publica comunicado oficial e confirma lesões graves em Mila e goleiro reserva

Ambos terão que passar por cirurgia nos próximos dias e não jogam mais em 2023

Publicidade

Através do seu site oficial durante a tarde desta quinta-feira, o Grêmio confirmou duas lesões graves em jovens atletas que já integram o elenco principal liderado pelo técnico Renato Portaluppi. Um deles é o volante Mila (foto), que rompeu o ligamento cruzado do joelho direito atuando pela equipe sub-20 gremista.

O jovem chegou a fazer um belo gol na derrota para o São José, no Estádio Passo D’Areia, pela semifinal da Copa FGF na última quarta. Porém, logo em seguida, levou a pior em uma dividida e sentiu o joelho direito – reveja aqui.

Veja também:
1 De 6.000

Na maioria dos casos, esta lesão requer uma recuperação de no mínimo seis meses depois da realização da cirurgia. Recentemente, o Grêmio teve caso igual com o atacante Jhonata Robert, que vem voltando a jogar nas últimas semanas.

A outra lesão do elenco do Grêmio envolve o goleiro Felipe Scheibig, que sofreu lesão ligamentar do tornozelo direito associada a fratura de fíbula durante o treino da última quarta-feira. Ele vinha revezando com Caíque a condição de reserva de Gabriel Grando.

O comunicado oficial do Grêmio:

O Grêmio informa que o goleiro Felipe Scheibig sofreu lesão ligamentar do tornozelo direito associada a fratura de fíbula durante o treino da última quarta-feira.

O Clube também atualiza a situação do volante Mila, que saiu do jogo contra o São José, na quarta, com lesão no joelho direito e, após exames, teve diagnosticada ruptura do ligamento cruzado anterior.

Ambos serão submetidos a procedimento cirúrgico nos próximos dias e o Departamento de Ciência, Saúde e Performance fará as atualizações necessárias via canais oficiais do Clube.

Canal WhatsApp - Zona Mista Grêmio
Entre no canal e ative o sininho para receber as notificações

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas