Ex-Grêmio, Herrera vê Botafogo acertando em mudança para ficar com o título: “Posição confortável”

Ex-atacante Herrera passou tanto por Grêmio quanto por Botafogo na carreira

Publicidade

Ex-atacante argentino de clubes brasileiros como Grêmio, Corinthians e Botafogo, Germán Herrera entende que o alvinegro carioca acertou em tirar o técnico português Bruno Lage para dar chance ao auxiliar da casa e seu ex-colega, Lúcio Flávio. O ex-meia foi colega de Herrera no próprio Fogão, onde mantiveram boa relação de amizade e admiração:

“Jogamos juntos em 2010 e ele era uma pessoa muito séria, simples e aplicada. Um verdadeiro capitão, que ficava atento para qualquer coisa que a gente precisasse. Era uma pessoa humilde e trabalhadora. Sempre teve um perfil de líder e de lidar com as questões que o elenco precisava. Na época a gente já via que ele poderia virar treinador e ser um grande técnico. Feliz que ele está agora comandando o time, e está numa posição muito confortável para poder continuar esse caminho e levar o Botafogo ao título”, declarou Herrera ao Globoesporte.com.

Veja também:
1 De 5.982

Apesar da passagem pelo Grêmio, que ainda sonha em tentar este título, Herrera admite estar na torcida por Lúcio Flávio e pelo Botafogo:

“Tem grandes qualidades e virtudes para poder conseguir a meta de ser campeão. Tomara que consiga porque é uma grande pessoa e profissional. Admiro muito o trabalho dele, foi um atleta com grande compromisso ao elenco e um grande capitão”, ampliou.

Herrera pelo Grêmio

Com a camisa do Grêmio, Herrera teve duas passagens, sendo a primeira em 2006 e a segunda em 2009 – recentemente, ele relembrou ambas em entrevista ao jornalista Filipe Gamba – relembre tudo aqui.

Canal WhatsApp - Zona Mista Grêmio
Entre no canal e ative o sininho para receber as notificações

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas