Em nova entrevista, presidente do Grêmio se manifesta sobre reposição de Suárez: “Não é imediato”

Alberto Guerra falou à Rádio Gaúcha sobre a reposição à saída do jogador uruguaio

Publicidade

A reposição de Suárez já está em pauta na atual direção do Grêmio, mas o clube pretende trabalhar com cautela, cuidando de todos os detalhes e sem se deixar levar pela emoção. Neste sentido, o presidente Alberto Guerra, em nova entrevista concedida nesta semana à Rádio Gaúcha, destacou que a “substituição” não será feita de forma imediata:

“Isso não é algo que sai um e entra o outro imediatamente. Tem a ver com outros fatores e oportunidade de mercado. Entendemos a lição e posso dizer que foi melhor do que pensávamos ter um jogador deste tamanho. Estamos atentos a isso e gostaríamos de ter um, dois ou três jogadores assim, mas não é uma coisa de dia seguinte. Primeiro, precisamos pensar no campo. Já teve outros casos de contratações de grandes jogadores, ídolos talvez muito próximos ao que o Suárez é, e não ter o rendimento desportivo e um resultado zero fora de campo também. Estamos atentos”, comentou Guerra.

Em outro trecho da mesma entrevista, o presidente gremista disse estar focado na continuidade do segundo turno do Brasileirão, mas admitiu que já pensa na montagem do elenco de 2024, que deverá marcar o retorno do clube à Libertadores:

“Estou mais preocupado com o início do segundo turno do Brasileirão do que lá na frente (2024), mas se eu dissesse que não estamos pensando no time do ano que vem, estaria mentindo. O Suárez é insubstituível. A gente sabe da repercussão da contratação dele. Querer substituir alguém que é insubstituível não é o nosso objetivo. A ideia é repor à altura um jogador que, primeiro, dentro de campo dê a resposta desportiva. Segundo, se ele puder, fora de campo, ser um ídolo e com esse apelo de marketing, obviamente vamos correr atrás. A nossa ação do Suárez não morre nele, a gente pensa grande”, ampliou.

Grêmio volta ao trabalho

Contando novamente com Suárez, o Grêmio volta a trabalhar nesta sexta-feira no período da tarde, quando os jogadores e comissão se reapresentam. O foco é a partida de quinta que vem, dia 14, diante do Bragantino, fora de casa.