“É que nem de madrugada”: Renato explica como lidou com os jogadores no intervalo de Grêmio x Santa Cruz

Técnico Renato Portaluppi falou após a goleada praticada na Arena neste sábado

Publicidade

Depois de sair vencendo por 2×0 dentro da Arena, o Grêmio levou o empate parcial do Santa Cruz por 2×2 e deixou o campo vaiado no intervalo rumo ao vestiário em mais um jogo do Gauchão. Foi aí que entrou em cena o técnico Renato Portaluppi, que admitiu posteriormente em coletiva de imprensa que precisou “acordar” alguns jogadores visando um segundo tempo melhor.

De cara, Renato já fez três substituições e uma delas surtiu muito efeito, caso do atacante Cristian Pavón, que fez a sua estreia com um gol e duas assistências na goleada de 6×2. Sobre o intervalo, o treinador ainda brincou dizendo ter um “sino” para alertar os atletas nestes casos:

“Fiz três mudanças no intervalo, tirei meu sininho do armário. É que nem de madrugada, o cara que tem que trabalhar, toca o despertador. De vez em quando toca o sino para acordar alguns. Quando acordaram, o Grêmio massacrou o adversário. Quando se acomoda, tenho que fazer alguma coisa”, disse o treinador.

Renato em mais um Gre-Nal

Pela frente, Renato terá mais um Gre-Nal comandando o Grêmio na carreira e usará a semana livre para trabalhar e treinar o time. O clássico da primeira fase do Gauchão acontece no próximo domingo, dia 25, às 18h, no Beira-Rio.

LEIA MAIS:

Ajude o Rio Grande do Sul – Doe pelo PIX – CNPJ: 92.958.800/0001-38

Ajude o Rio Grande do Sul
Chave PIX - CNPJ: 92.958.800/0001-38 Instituição: Banrisul Nome: SOS Rio Grande do Sul