Dirigente do Grêmio repercute cena marcante com Renato e Kannemann após a vitória sobre o Flamengo

Alegria foi grande depois da virada de 3x2 para cima do Flamengo dentro da Arena

Publicidade

Como nem poderia deixar de ser, a alegria, a satisfação e até o alívio foram grandes no Grêmio depois da vitória de virada de 3×2 para cima do Flamengo, na Arena, nesta quarta-feira, pelo Brasileirão. Uma das cenas marcantes do pós-jogo foi o abraço do vice de futebol Antônio Brum junto com o técnico Renato Portaluppi e Kannemann:

“O abraço com Renato e com Kannemann no final do jogo foi de alívio e para mostrar que a convicção que o trabalho bem feito dá resultados e eles estavam colhendo um resultado importante. A gente escuta muita coisa de fora que nos chateia, mas temos que manter a cabeça no lugar, ter convicção no trabalho e seguir o projeto”, comentou Brum, em breve coletiva pós-jogo, antes de ampliar:

Veja também:
1 De 6.008

“Instabilidade é normal no futebol, quando assumi a função sabia que não iríamos ganhar todos os jogos, principalmente pela situação que o clube veio. O que temos que saber é lidar com essa instabilidade, ter a cabeça no lugar e trabalhar com convicção. Espero que na sequência que temos a gente busque uma estabilidade para garantir vaga na Libertadores”.

Grêmio sem Kannemann

Envolvido no abraço pós-jogo, Kannemann está suspenso pela quinta vez neste Brasileirão e desfalca o Grêmio na partida de sábado, 19h, diante do América-MG, fora de casa. Por outro lado, o centroavante Luis Suárez volta ao time, que é o 6° colocado com 47 pontos na tabela.

Canal WhatsApp - Zona Mista Grêmio
Entre no canal e ative o sininho para receber as notificações

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas