fbpx

Cuiabá reclama de “cera”, vê pênalti “duvidoso” e Jorginho critica Grêmio: “Picotou o jogo, sem coragem pra jogar”

Clube treinado por Jorginho não gostou da arbitragem e fez reclamações após a derrota

Foi com muitas, mas muitas reclamações à arbitragem de Léo Simão Holanda que o Cuiabá reagiu à derrota em casa de 1×0 para o Grêmio nesta quarta-feira. O próprio Twitter oficial do clube mostrou bastante insatisfação com uma suposta “cera” de jogadores gremistas na reta final da partida:

Já o meia-atacante Clayson, por sua vez, chamou de “duvidoso” o pênalti marcado em Alisson que definiu a vitória gremista no Brasileirão com gol marcado por Borja:

“É um baque pra gente, abrimos uma estratégia. O time do Grêmio é qualificado. Perdemos com um pênalti duvidoso. O juiz demora, acaba não dando faltas. Difícil correr atrás no placar com o calor que está, mas a gente tentou de tudo, colocamos bola na trave, mas infelizmente não deu e agora é trabalhar pro próximo jogo a gente pontuar”, colocou.

Jorginho esbraveja e sobra para o Grêmio

O técnico do Cuiabá, Jorginho, também fez fortes manifestações em sua coletiva de imprensa. Além de ter detonado a arbitragem, ele reclamou que o Grêmio “não teve coragem” para sair para o jogo e ainda “picotou” a partida inteira:

“Não faltou coragem ao Cuiabá, faltou coragem de jogar para o Grêmio. Eu não acredito que um árbitro venha com o intuito de prejudicar, mas esse árbitro não apita uma partida importante no Ceará e vem apitar uma partida importante na Série A. Os erros foram gritantes, grotescos. Logo no primeiro lance, ele não dá uma falta absurda. No pênalti ele levou dois minutos para parar o jogo. O VAR ter levado esse tempo condiciona o árbitro a achar que foi pênalti. Dois pesos e duas medidas. A gente lamenta muito a arbitragem. Foi muito ruim. Não vamos aceitar, não tem condições. Foi uma das piores arbitragens que vi na minha vida como atleta e treinador”, disparou, antes de acrescentar:

“O Grêmio picotou o jogo o tempo todo e o árbitro entrou no jogo deles. Eles ganharam o tempo necessário e não deixaram nossa equipe jogar. O Grêmio não fez nada para ganhar o jogo, foi uma ajuda do árbitro”.

O Cuiabá é o primeiro time fora do Z4 e está na 16ª colocação do Brasileirão, com 17 pontos, enquanto o Grêmio vem em três posições abaixo com 13 pontos. No sábado, 19h, o tricolor recebe o Bahia.

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas