Com Oscar no radar, presidente do Inter também fala sobre Everton Ribeiro, do Flamengo

Alessandro Barcellos reforça que o Inter segue monitorando o mercado em busca de opções

Publicidade

Vivendo um momento decisivo na temporada com jogos do segundo turno do Brasileirão e perto de fazer a semifinal da Libertadores contra o Fluminense, o Inter não se descuida do mercado e mantém alguns nomes no “radar” para a temporada que vem. Nesta semana, em entrevista ao podcast do Globoesporte, o presidente Alessandro Barcellos confirmou que o meia Oscar, de 32 anos, interessa.

Atualmente, Oscar, que jogou no Inter entre 2010 e 2012 antes de ir para a Europa, defende o Shanghai Port, da China. Barcellos também falou sobre Everton Ribeiro (foto), do Flamengo, que tem contrato encerrando, mas negou existir algo concreto:

Veja também:
1 De 5.985

“Se disser que não planejo 2024 não é verdade. Olhamos nosso elenco, manutenção, questões de grupo. Não há tratativa com jogador algum, muito menos com Everton Ribeiro. O foco está na Libertadores. Evidente que há setores do clube para apresentar (nomes). Até porque teremos uma pré-temporada com tempo para preparar a equipe. É uma pauta para frente”, comentou Barcellos.

“Me perguntaram sobre o Oscar. Monitoramos, mas não há avanço. Terá mais força a partir do fim de novembro”.

Barcellos diz ter obrigação de planejar o Inter

No final do ano, o Inter passará por novas eleições presidenciais e Alessandro Barcellos, embora deva ser, ainda não se anunciou como candidato. Mesmo assim, diz ter o dever de seguir planejando o clube:

“É uma obrigação planejar. Não pode alguém assumir em janeiro sem uma proposta profissional de continuidade do trabalho. Pode discordar de tudo, mas precisamos deixar tudo planejado para quem assuma tome a decisão. Não é o momento de tratar de eleição, mas o clube precisa ter situações pensadas de forma profissional. Trabalhamos assim”, afirmou.

Leia mais DO INTER:

Canal WhatsApp - Zona Mista Inter

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas