CBF define como irá recuperar os jogos atrasados e mantém rebaixamento na Série A

Entidade se reuniu com clubes nesta segunda-feira para tomar decisões sobre o campeonato

Publicidade

Em reunião com os clubes participantes da Série A nesta segunda-feira, a CBF tomou importantes decisões a respeito da continuidade do campeonato de 2024. Ficou decidido que o calendário será mantido até a data de 8 de dezembro, com os jogos atrasados sendo remarcados para os períodos de Data-Fifa. Inter, Grêmio e Juventude participaram do encontro.

A hipótese do cancelamento do rebaixamento, que era uma ideia bastante defendida pelo técnico gremista Renato Portaluppi, não foi nem discutida e não avançou. Os quatro piores clubes do campeonato jogarão a Série B em 2025. A CBF também se mostrou disposta a promover inversões de mando de campo para facilitar os deslocamentos dos gaúchos. Saiba as próximas Datas-Fifa:

Veja também:
1 De 5.992
  • 3 a 11 de junho
  • 2 a 10 de setembro
  • 7 a 15 de outubro
  • 11 a 19 de novembro

“Vamos usar algumas Datas-Fifa. Foi discutida uma flexibilização, possivelmente até uma inversão de mando quando necessária. Vamos analisar caso a caso”, disse o presidente do São Paulo, Júlio Casares, em declaração publicada pelo portal Globoesporte.com.

O Brasileirão foi suspenso por duas rodadas (sétima e oitava), no dia 15 de maio, por conta da tragédia climática vivida pelo Rio Grande do Sul. O campeonato será retomado neste sábado, 1 de junho, na sétima rodada, sem novas paradas previstas.

CBF era contra “tirar” rebaixamento

Mesmo antes da reunião desta segunda com os clubes, a CBF já se mostrava contra a ideia de retirar o rebaixamento do regulamento da Série A do Brasileirão. Ainda no domingo, o presidente da entidade, Ednaldo Rodrigues, deu esta declaração:

“Tudo é possível (sobre o Brasileirão), todas as considerações (dos clubes) são possíveis. Mas o (não) rebaixamento não está na proposta da CBF e acredito também que de nenhum clube também. Não vai acontecer. Porque a gente obedece um calendário e um regulamento da Fifa. O Estatuto da CBF tem duas leis pelo acesso técnico, tanto a Lei Pelé quanto a Lei Geral do Esporte. Então teria que mudar a constituição para não ter rebaixamento”, explicou.

Canal WhatsApp - Zona Mista Grêmio
Entre no canal e ative o sininho para receber as notificações

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas