Bolzan fala de Tiago Nunes, projeta sucessor de Pepê e crava: “Certeza absoluta que vamos ganhar a Copa do Brasil”

Presidente do Grêmio concedeu entrevista ao vivo nesta manhã aos canais oficiais do clube

Apesar da informação que circulou nesta quinta-feira através do repórter César Fabris, da Rádio Gre-Nal, o Grêmio não admite publicamente qualquer tipo de interesse no técnico Tiago Nunes, que foi apontado como um “plano B” no caso de Renato Portaluppi desejar deixar o clube no final da temporada.

Em entrevista ao quadro “Papo com Presidente”, da Grêmio TV, Romildo Bolzan negou nesta sexta-feira estar mantendo negociações com o ex-profissional de Athletico e Corinthians.

“O Grêmio não tem qualquer situação negocial com o Tiago Nunes. Nós temos um treinador, o Renato”, declarou.

Bolzan já admitiu que o Grêmio quer antecipar as conversas com Renato para decretar, de uma vez, a sua permanência. A situação ainda está indefinida e, pelo treinador, a conversa ocorre somente depois da temporada.

Sucessor de Pepê

Depois de algumas semanas de indefinição, Grêmio e Porto sacramentaram oficialmente a negociação envolvendo Pepê por 15 milhões de euros, a terceira maior venda da história do tricolor.

O Porto pagará 15 milhões de euros (R$ 98,1 milhões pela cotação atual) pela negociação. Deste montante, o Grêmio receberá 10 milhões de euros (R$ 64,7 milhões). O restante pertence ao Foz do Iguaçu, clube que revelou o atacante e detém 30% dos direitos. Enquanto isso, Bolzan projeta substitutos:

“O Grêmio tem Ferreira, tem Luiz Fernando, tem o Everton que é um jogador do elenco, o Léo Chú que está voltando, na base tem o Elias…”, citou.

Copa do Brasil

Em uma das respostas mais veementes da entrevista, Bolzan disse ter “certeza absoluta” que o Grêmio vencerá a Copa do Brasil diante do Palmeiras.

“Eu tenho certeza absoluta que nós vamos ganhar a Copa do Brasil. Alimento essa segurança e essa certeza, porque estou vendo o ambiente do futebol, a vontade dos jogadores e a vontade da comissão técnica para que isso efetivamente aconteça. E quem pensa que os jogos que estamos jogando hoje no Brasileirão serão iguais aos da Copa do Brasil, não serão”.

As finais ocorrem nos dias 28 de fevereiro na Arena e depois no dia 7 de março, no Allianz Parque, em São Paulo.

  • Clique aqui para entrar em um grupo de WhatsApp e acompanhar as notícias do seu time.

Utilizamos cookies. Ao continuar acessando este site você estará concordando com as políticas de privacidade. AceitarLer políticas

Políticas & Cookies