Beira-Rio avança na recuperação, tem gramado “verde” e pode receber jogo do Brasil

Inter espera poder jogar novamente no seu estádio a partir de julho

Publicidade

Com cerca de 600 colaboradores envolvidos diretamente nos trabalhos de limpeza, recuperação e reconstrução, o Beira-Rio já dá sinais de melhora e faz o Inter manter a perspectiva de utilização a partir de julho. Durante a manhã desta terça-feira, o clube abriu as portas do estádio para a imprensa, que verificou as atuais condições e identificou, por exemplo, o gramado bem mais “verde” do que antes, nos dias posteriores à enchente.

Veja também:
1 De 6.008

As atualizações feitas hoje pelo Inter do Complexo Beira-Rio:

-Luz e água com abastecimento normalizado no complexo.
-Estrutura de TI do estádio em recuperação. Prazo até fim de junho.
-Catracas de acesso ao estádio serão testadas nesta terça.
-Grama de inverno com plantação concluída. Já começou a brotar. Prazo de 10 dias ainda para conclusão do processo.
-Limpeza: deve ser concluída totalmente até o fim desta semana.
-Equipamentos técnicos das salas de coletiva danificados. Serão trocados. Prazo fim de junho.
-Sistema de som e vídeo do estádio ainda em avaliação.
-Museu com higienização ocorrendo nesta semana. Exposição permanente não foi atingida pois fica no segundo andar.
-Previsão de retomada de todo o complexo em julho.
CT Parque Gigante
-Reconstrução de prédios começou na semana passada e está em andamento.
-Prazo de 90 dias para a conclusão.
-Campos de treinamento em processo de retirada do lodo.

Jogo do Brasil?

Nos bastidores, já circula a informação de que a CBF deseja levar algum jogo do Brasil nas Eliminatórias, no segundo semestre, para Porto Alegre. Como o Beira-Rio deverá ficar pronto antes da Arena, a casa do Inter larga em vantagem para ser escolhida. A ideia da entidade é reverter todos os recursos de uma partida como essa em prol das vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul.

LEIA MAIS:

Canal WhatsApp - Zona Mista Inter

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas