Tinga relembra 2005 e dispara: “Com o VAR, eu teria mais um Brasileirão”

Publicidade

Sincero como de costume, o ex-volante Paulo César Tinga avaliou em entrevista ao Fox Sports que “teria mais um título de Brasileirão” se estivesse presente o VAR na temporada de 2005, quando o seu Inter e o Corinthians polarizaram até as rodadas finais a briga pela taça.

No confronto direto, no Pacaembu, o empate em 1×1 veio com um asterisco aos colorados. Melhor na partida, o time teve uma penalidade máxima clara de Fábio Costa em Tinga não marcada pelo árbitro Márcio Rezende de Freitas.

“Com o VAR, eu estaria com o título. Eu acho, porque até o VAR a gente está conseguindo estragar, um negócio que é bom. Mas eu acho que, com o VAR, eu teria mais um Brasileiro no currículo”, opinou o ex-jogador.

Além do jogo citado, o Brasileirão daquele ano teve a mancha da anulação dos 11 jogos arbitrados por Edílson Pereira de Carvalho, envolvido em manipulação de resultados. O fato, ainda que indiretamente, também beneficiou o Corinthians, que virou líder ao refazer as suas partidas.

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Inter em tempo real. (Clique Aqui)