Renato Gaúcho explica cobrança pública feita no atacante Luan

Publicidade

Chamou a atenção no último sábado o tom utilizado por Renato Portaluppi para cobrar Luan. A crítica pública foi feita logo depois do empate em 0x0 com o Corinthians, na Arena, pelo Brasileirão. Já nesta quarta, após a vitória por 2×1 sobre o Ceará, o treinador justificou a postura adotada.

“Todo mundo sabe o carinho e a admiração que tenho pelo Luan. Eu cobro, pois é para o bem dele. Por isso fiz aquela cobrança. Hoje, o Luan foi melhor do que domingo, mas ainda está longe do Luan de 2017. Tem que dar mais. Ele precisa sempre estar entre os dois ou três melhores em campo, pois esperamos isso dele. Ainda está longe de ser o Luan de 2017”, destacou.

A fala após o jogo de sábado, que reproduzimos abaixo, foi ainda mais dura:

“O Luan precisa melhorar muito ainda. Ele está longe de ser aquele Luan. É de nível superior e esperamos exatamente isso dele. Ele melhorou porque estava muito mal, mas precisa melhorar muito mais para nos ajudar. Voltar a ser aquele Luan de 2017 vai ser difícil. Muita gente falou que ele jogou muito contra o Flamengo. Menos, gente! Pelo que a gente conhece do Luan, precisa dar muito mais para a gente”, comentou.

O camisa 7 vinha sendo reserva do Grêmio e herdou a posição de Jean Pyerre, que ainda se recupera de lesão muscular.

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)