Renato explica por que colocou Gustavinho e não Iturbe na derrota do Grêmio para o Vasco

Técnico do Grêmio explicou as suas opções na partida diante do Vasco da Gama em casa

Publicidade

Uma substituição feita pelo técnico Renato Portaluppi que chamou a atenção da torcida do Grêmio durante a derrota de 1×0 para o Vasco da Gama, em São Januário, foi a entrada do meia-atacante Gustavinho. Contratado no começo da temporada junto ao América-MG, o jogador vem tendo raras oportunidades e já sobrou inclusive de algumas listas de relacionados, mas reapareceu e ainda perdeu chance clara de empate no fim.

Por conta desta opção, o argentino Juan Manuel Iturbe, que só jogou alguns minutos contra o Atlético-MG até agora, permaneceu no banco durante toda a partida no Rio de Janeiro. E, em coletiva, o treinador gremista deu as suas razões:

“O Gustavinho era quem tínhamos para a meia. Eu tentei com o Nathan e infelizmente ele não foi bem. Quando tirei ele, eu tinha duas opções: colocar o Bitello por dentro e colocar o Juan Iturbe aberto, só que o Juan ainda está há muito tempo parado e ele não ia aguentar, estava muito quente. Naquele momento escolhi o Gustavinho, que não vem jogando, mas faz parte do grupo”, disse Renato, antes de ampliar:

“O jogador não escolhe jogo e local. Tem que estar preparado e as oportunidades aparecem, a camisa chega. Tirei um meia e coloquei outro meia. Foi isso. Não inventei. Não coloquei o Gustavinho de zagueiro ou de centroavante. Costumo botar o Bitello por dentro, mas hoje infelizmente ele não estava bem na partida. Tentei sague novo e o Gustavinho ainda teve uma excelente oportunidade para fazer o gol, mas infelizmente não aconteceu”.

Renato vai cobrar jogadores

Na reapresentação do grupo na próxima terça-feira em Porto Alegre, Renato planeja ter uma conversa mais séria com os atletas, em tom de cobrança, para que atuações como a do Rio de Janeiro deste domingo não voltem mais a acontecer:

“Eles estão em um clube como o Grêmio, que tem tudo do bom e o melhor, a única coisa que cobro deles é entrega dentro do campo. Meu grupo deu uma inchada e a fila anda, as oportunidades estão sendo dadas, se não aproveitou, o outro companheiro vai ter oportunidade”, disparou o treinador.

Após o complemento da rodada com os outros jogos do fim de domingo, o Grêmio terminou no 6° lugar da tabela do Brasileirão com 30 pontos. O seu próximo adversário é o Fluminense, domingo que vem, às 16h, na Arena, em Porto Alegre.

LEIA MAIS:

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)