Renato dá nova chance em campo e alerta jovem do Grêmio: “Se quer crescer, tem que ser profissional”

Técnico Renato Portaluppi concedeu entrevista coletiva depois do 0x0 do Grêmio contra o Goiás

Publicidade

O morno empate em 0x0 entre Goiás e Grêmio na noite deste sábado, em Goiânia, pelo Brasileirão, representou uma nova chance do técnico Renato Portaluppi ao meia Patrick no time tricolor. Como alternativa ao setor ofensivo, o jovem de 22 anos ingressou no segundo tempo e voltou a se postar como opção do elenco de cima.

Pois, recentemente, Patrick chegou a descer para trabalhar no time de transição do técnico Thiago Gomes e reforçou o grupo que vem disputando o Brasileirão sub-23, de Aspirantes.

Renato, em sua coletiva, cobrou mais profissionalismo dele e de outros jovens do clube:

“O Patrick já recebeu inúmeras oportunidades minha, hoje ele recebeu mais uma, é um jogador que tem um certo talento. Ele não pode reclamar que falta chance. Agora depende dele. Eu dou chance pra todos os garotos. Se os garotos querem andar, crescer na vida, eles tem que ser profissionais”, declarou o comandante.

Criado na base gremista, Patrick também teve uma breve passagem por empréstimo no Criciúma em 2018. Ele abriu 2020 jogando como titular na ausência de Jean Pyerre, mas não sustentou a vaga por muitos jogos.

Confira mais frases do técnico Renato Portaluppi depois de Goiás 0x0 Grêmio:

“A gente criou bastante oportunidades, tivemos chances de fazer o gol, principalmente no primeiro tempo. Faltou o último passe, faltou gol. A gente tentou a vitória, né. O segundo turno vai ser muito difícil pra todo mundo, são equipes brigando pelo título, brigando em outros campeonatos e até pelo rebaixamento. Eu gostei da minha equipe, os garotos foram bem”
.
“Quanto ao Jean Pyerre, na segunda-feira eu vou conversar com o departamento médico, com o grupo e ver quem tem as melhores condições pra jogar contra o Santos”
.
“Tem tanta coisa para acontecer no Campeonato Brasileiro, não só com o Grêmio mas como todos os times. São 9 pontos para o líder, mas 9 pontos são 3 jogos”
.
“Não tem jogo fácil, até por que a gente botou uma equipe totalmente diferente pra jogar. A gente tentou a vitória, o segundo turno vai ser muito difícil pra todo mundo”
.
“O Patrick já recebeu inúmeras oportunidades minha, hoje ele recebeu mais uma, é um jogador que tem um certo talento. Agora depende dele. Eu dou chance pra todos os garotos. Se os garotos querem andar, crescer na vida, eles tem que ser profissionais”
.
“Qualquer jogador pode jogar quarta-feira. O importante é que a gente volta, vou conversar com o Dep. Médico, saber da situação de todos os jogadores e, a partir daí, a gente vai definir a equipe que vai enfrentar o Santos”

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)