Quem assume o Grêmio? Tcheco diz que não foi procurado, e provável novo vice de futebol quer insistir em Roger

Tricolor está sem técnico e vive uma situação dramática dentro do Brasileirão de 2021

Com duas derrotas consecutivas para Santos e Fortaleza fora de casa e tendo feito 1 ponto dos últimos 15 disputados, o Grêmio vive situação dramática sendo o 19° colocado no Brasileirão com 23 pontos e, para completar, sequer tem um novo treinador já confirmado para comandar os 14 jogos restantes – dos quais o cálculo matemático aponta a necessidade de 7 vitórias.

O ex-capitão e meia gremista Tcheco, nos últimos dias, foi um dos nomes lembrados por torcedores nas redes sociais. Ele fez um post na web indicando que está de saída do Cascavel-PR, que foi vice paranaense em derrota para o Londrina. Mas, ao site Torcedores.com, disse não ter sido procurado pelo Grêmio:

“Não fui procurado não. Vi os rumores, mas não tem nada”, disse.

Provável novo vice de futebol quer Roger

Ex-dirigente gremista na década de 90 e atual conselheiro, Dênis Abrahão foi convidado pelo presidente Romildo Bolzan Jr para assumir como vice de futebol na vaga de Marcos Herrmann, que pediu demissão depois da derrota para o Fortaleza.

“Recebi o convite (para ser o novo vice de futebol) e estamos conversando. Fui pego de surpresa e tenho coisas a analisar da minha vida particular. Prometi dar a resposta o mais rápido possível”, disse Abrahão, ao site GZH.

O mesmo portal informa que o desejo de Abrahão é ter Roger Machado na casamata gremista, muito embora o próprio treinador já tenha descartado o convite. Ele quer manter a sua linha de trabalho de nunca pegar clubes em meio às temporadas. Léo Ferreira, agente de Roger, já disse que a chance é “zero” de volta ao Grêmio em 2021.

Sobra Vagner Mancini

Ex-treinador gremista em 2008, quando foi demitido sem ter perdido jogos no início daquele ano, Vagner Mancini foi procurado pelo Grêmio e ele próprio desconversou ao ser perguntado depois da derrota da sua equipe, o América-MG, por 3×1 para o Inter.

“Eu sei da notícia pelo GE. Vi na hora que cheguei no estádio. Tenho pessoas que cuidam disso pra mim. Não tem como eu falar alguma coisa diferente disso. Estava focado na partida, soube da notícia dentro do vestiário”, falou.

Neste momento, uma efetivação do interino Thiago Gomes não é considerada prioridade. Mas, até segunda ordem, ele comanda os próximos treinamentos e o time contra o Juventude, domingo, 18h15, em casa.

    Estamos também no Telegram:
  • Clique aqui para entrar no grupo para acompanhar as notícias do Grêmio
    Estamos também no WhatsApp:
  • Clique aqui para entrar no grupo 18 para acompanhar as notícias do Grêmio.
  • Clique aqui para entrar no grupo 27 para acompanhar as notícias do Grêmio.