fbpx

Portal revela custo mensal de Thiago Santos e atual status no elenco do Grêmio: “Mesmo com má fase, tem a confiança de todos”

Volante de 32 anos de idade foi um dos mais criticados depois da eliminação para o Mirassol

A eliminação para o Mirassol logo na primeira fase da Copa do Brasil, algo que jamais havia acontecido com o Grêmio em toda a sua história, ampliou as críticas em cima de alguns jogadores. Um deles é o volante Thiago Santos, remanescente do rebaixamento no ano passado e que voltou à titularidade exatamente para a partida do interior paulista.

Antes, ele estava suspenso no Gauchão e não jogou na estreia do técnico Roger Machado com vitória de 4×0 diante do São Luiz, na Arena, quando o meio de campo teve Villasanti e Bitello na cabeça de área. De acordo com o jornalista Eduardo Gabardo, da Rádio Gaúcha, Thiago Santos recebe cerca de R$ 300 mil por mês e segue com bom status no elenco:

“Thiago foi contratado em abril de 2021, vindo do Dallas FC. O Grêmio pagou cerca de R$ 6 milhões pela sua liberação. O salário é de R$ 300 mil mensais, mesmo valor que recebia nos Estados Unidos. Mesmo com a má fase do time, o volante tem a confiança de todos dentro do Grêmio. A sua capacidade de marcação é elogiada internamente. Em princípio, ele deverá continuar como titular”, informou o jornalista.

Contratado junto ao FC Dallas, dos Estados Unidos, em março de 2020, Thiago Santos assinou contrato com o Grêmio que segue com validade até dezembro de 2023. Ele também fez a opção de permanecer no clube no final do ano passado até como forma de tentar ajudar na volta à Série A.

Com Thiago disponível, o Grêmio tenta evitar qualquer tipo de crise atuando novamente no sábado, 16h30, fora de casa, diante do Novo Hamburgo, em mais uma rodada da primeira fase do Gauchão.

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas