O que diz o presidente da CBF sobre possível paralisação do Brasileirão pela situação do RS

Ednaldo Rodrigues se manifestou nesta sexta-feira sobre eventual paralisação

Publicidade

O presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ednaldo Rodrigues (foto), se manifestou nesta sexta-feira pela primeira vez sobre as chances de paralisação dos campeonatos nacionais por conta da dramática situação do Rio Grande do Sul, que vive a maior enchente de sua história. Nas últimas horas, o Governo Federal, através do Ministério do Esporte, também pediu à entidade a interrupção temporária das competições.

“Toda decisão com relação a uma competição — começar, ter, suspender, prorrogar, adiar —, a CBF vai discutir de maneira conjunta com os clubes. O poder da CBF não é um poder supremo e absoluto. É um poder limitado. A gente respeita muito todos os segmentos do Governo, porém toda a construção do futebol brasileiro está num Conselho Técnico de clubes, isso envolve todas as competições. Tem que reunir o Conselho Técnico. Quando define uma competição, a CBF faz reuniões de Conselho Técnico da Série A, da B, da C, da D e das competições de base”, comentou Ednaldo, em declaração recuperada pelo site Globoesporte.com.

“Se pede uma paralisação, nós vamos dar conhecimento a cada clube, a cada série desses clubes, para que eles possam se posicionar com relação ao documento do Ministério do Esporte. E a partir daí, se for necessário, reunir o Conselho Técnico para que eles possam deliberar”, ampliou.

CBF relembra que atendeu FGF

Na continuidade da sua fala, o presidente Ednaldo Rodrigues destacou que a CBF atendeu a demanda de Federação Gaúcha de Futebol em suspender os jogos dos times gaúchos por 20 dias, até o dia 27 de maio.

“Aquilo que foi solicitado pelos clubes, através da Federação Gaúcha, a CBF atendeu integralmente. Que foi o adiamento dos jogos deles até o dia 27 de maio. Tudo que acontecer daqui para frente a gente vai ter que conversar com os clubes e todas as divisões do futebol”, relembrou.

Ajude o Rio Grande do Sul – Doe pelo PIX – CNPJ: 92.958.800/0001-38

Ajude o Rio Grande do Sul
Chave PIX - CNPJ: 92.958.800/0001-38 Instituição: Banrisul Nome: SOS Rio Grande do Sul