Na extrema ou pelo centro? Douglas Costa responde informação que já teria escolhido posição no Grêmio: “Não pedi nada”

Jogador utilizou a sua conta oficial no Twitter para explicar uma informação dada pelo jornalista Vagner Martins

Publicidade

Após o jornalista Vagner Martins, do Grupo Bandeirantes, divulgar a informação de que Douglas Costa teria a preferência de jogar pelo centro de campo nesta volta ao Grêmio, o próprio atleta usou o Twitter para esclarecer os fatos. E negou ter “pedido” para atuar nesta ou naquela função.

Segundo informou o comunicador no seu canal do YouTube, o “Raio” ainda não teve uma conversa específica com o técnico Tiago Nunes sobre qual será o seu posicionamento e vem treinando tanto pelo meio como na extrema. Há, de acordo com Martins, um entendimento de que Douglas atuando pelo meio do campo, menos propenso a explosões de arrancadas, evitará novas lesões musculares.

Eu não pedi nada gente ! Tão falando coisas q eu não falei !“, disse Douglas Costa em cima de um post do “FBI Tricolor”, no Twitter, que repercutia a informação do jornalista.

Confira o post:

As previsões mais otimistas projetam uma reestreia do jogador de 30 anos de idade a partir da segunda metade de junho e início de julho, ainda na sequência do primeiro turno do Brasileirão. Ele também estará apto para jogar a Copa do Brasil e a sequência da Sul-Americana.

O técnico Tiago Nunes, em entrevista recente ao site GZH, deixou claro que pensa em Douglas em várias funções no ataque:

“O Douglas pode jogar em qualquer uma das posições do ataque. Tanto na direita, como na esquerda, como de camisa 9 ou por trás do nove. Ele tem repertório técnico, tático e maturidade. A gente vai ter que entender o que o momento vai nos pedir, quais serão as possibilidades estratégicas e onde a gente vai potencializar ainda mais o que ele tem. Se ele jogar de extrema, essa bola tem que chegar lá para ele ser este jogador de desequilíbrio. Se jogar como meio-campo ou segundo atacante, tem que se criar meios da bola chegar pelo eixo central ou pelas laterais, chegando nele com poder de definição vindo de trás. Temos que construir meios para potencializá-lo, mas o vejo com capacidade, pelo repertório, de jogar em qualquer uma das posições”, resumiu o comandante.

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)