Em silêncio? Perto de enfrentar o Grêmio, Felipão adota medida curiosa no Palmeiras

Publicidade

Faltando cerca de duas semanas para o primeiro jogo contra o Grêmio, pela ida das quartas de final da Libertadores da América, o técnico do Palmeiras, Luiz Felipe Scolari, o Felipão, anunciou uma curiosa medida neste domingo. Após empatar fora de casa com o Corinthians por 1×1, informou aos jornalistas que só irá às coletivas quando o time perder ou empatar.

A partir de agora, nas ocasiões em que o Verdão vencer os seus jogos, quem irá para as conferências de imprensa é o auxiliar Paulo Turra, ex-zagueiro do Caxias que está com Felipão desde a sua volta ao Palmeiras durante o ano passado.

Veja também:
1 De 5.982

“Vou aproveitar aqui para dizer: semana que vem, ganhando, é o Paulo Turra quem vai dar entrevista. Quando empatar ou perder, venho eu. Foi o chefe que determinou”, disse.

Em seguida, Felipão respondeu que o “chefe” é ele mesmo.

De acordo com o site Gazeta Esportiva, a própria assessoria de imprensa do Palmeiras não sabe exatamente se isso irá se confirmar nos próximos jogos. Em 2° no Brasileirão com 28 pontos, o time paulista recebe o Bahia no próximo domingo.

Canal WhatsApp - Zona Mista Grêmio
Entre no canal e ative o sininho para receber as notificações

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas