fbpx

D’Alessandro recorda participação em gol marcante no bi da Libertadores do Inter: “Falta meio c…, goleiro pegava com o peito”

Atual meia do Nacional-URU lembrou da Libertadores de 2010 em live nas redes sociais da Conmebol

Se foi de D’Alessandro ou de Alecsandro, cada um até hoje tem a sua interpretação. Mas o fato é que se tratou de um dos gols mais importantes da campanha do bicampeonato do Inter na Libertadores, que deu fôlego ao time na decisiva partida de volta contra o São Paulo pela semifinal da competição no ano de 2010.

Sem força e em direção ao meio da goleira, a bola batida por D’Ale é desviada no calcanhar do centroavante e vai morrer no canto direito de Rogério Ceni. O lance foi relembrado pelo argentino nesta semana em live nas redes sociais da Conmebol Libertadores e a habitual sinceridade não foi abandonada:

“Foi gol meu, né? (risos). Ele (Alecsandro) é fominha. Falando sério, o gol foi do Alecsandro. A bola bate nele. Se não bate, Rogério Ceni pega. Bati uma falta meio c… (risos). Rogério pegaria com o peito. Mas é o destino. Tinha que ser para nós”, disse o gringo, que hoje joga no Nacional-URU.

Veja o gol:

Treinado por Celso Roth, o Inter foi a campo naquela noite no Morumbi com Renan; Nei, Bolívar, Índio e Kleber; Sandro, Guiñazu, Tinga e D’Alessandro (Giuliano); Taison (Wilson Mathias) e Alecsandro.

Logo no início do jogo, o São Paulo abriu o marcador com Alex Silva em uma grave falha de Renan. Após o empate colorado nesta falta, Ricardo Oliveira voltou a botar os paulistas na frente, mas o Inter avançou por ter feito 1×0 em casa e ter se beneficiado do saldo qualificado.

Veja este trecho da live com D’Alessandro e Bolívar feita pela Conmebol Libertadores:

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas