Colorados protestam no Beira-Rio; repórter cita atitude “lamentável” de segurança

Publicidade

Um dia depois da derrota por 1×0 para o CSA, fora de casa, no Brasileirão, o clima é tenso no Beira-Rio. Durante a tarde, um grupo de quatro torcedores realizou protestos no estádio e levou uma faixa pedindo as saídas do vice-presidente de futebol Roberto Melo e do técnico Odair Hellmann.

Apenas 50% do desejo dos colorados deverá ser atendido. Bastante pressionado, Odair deverá ter sua demissão comunicada no final da tarde, mas Melo seguirá ocupando a pasta do futebol.

Um outro fato que chamou a atenção foi relatado pelo repórter Yuri Falcão, da Rádio Bandeirantes. Ele alega ter sido impedido de trabalhar no pátio do Beira-Rio por um segurança do clube:

“Acabo de ser impedido de trabalhar no pátio do Beira-Rio por um segurança do @SCInternacional. Atitude lamentável de alguém que não merece servir um clube tão importante. Segurança alegou que não poderia estar nas dependências do clube sem autorização. Muita gente circula no pátio sem problema algum. Calçada do estádio é praticamente a mesma da rua”, relatou.

No domingo, o Inter enfrenta o Santos, em casa, tentando dar fim ao jejum de quatro jogos sem vitórias no Brasileirão.

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Inter em tempo real. (Clique Aqui)