Cauteloso, dirigente do Inter vê dificuldade e indica data para anunciar contratações

Publicidade

O torcedor colorado precisará ter paciência para aguardar novos reforços. Em entrevista concedida à Rádio Gaúcha, o vice-presidente do Conselho de Gestão, Alexandre Chaves Barcellos, descartou contratações ainda em 2019 e empurrou o prazo apenas para a primeira semana de janeiro.

Existe a possibilidade de o Inter sequer fazer algum anúncio oficial antes da reapresentação do elenco, marcada para o dia 8 de janeiro.

“A dificuldade para fazer anúncio antes do final do ano é grande. Imagino que os anúncios começarão a acontecer a partir de 5 ou 6 de janeiro por ainda não termos concluído situações para a assinatura de contratos. Temos nomes em conversação, mas ainda não é possível anunciá-los”, disse Barcellos.

Sem o mesmo poderio financeiro de outras épocas, o clube ainda corre contra o tempo já que a estreia na pré-Libertadores será no dia 4 de fevereiro.

“O prazo corre contra nós. Temos de tentar sermos o mais efetivo possível dentro da nossa realidade. O jogo dia 4 de fevereiro faz com que tenhamos que antecipar alguns passos para termos um time competitivo para enfrentar a pré-Libertadores. Vamos enfrentar essa realidade para termos um time competitivo”, aumentou.

Até o momento, os dois jogadores mais próximos de serem anunciados pelo Inter são Rodinei e Damián Musto.

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Inter em tempo real. (Clique Aqui)