Bolzan diz que não contrataria Gallardo, descarta zagueiro do Flamengo e vê Douglas Costa distante após queda na Libertadores

Presidente gremista Romildo Bolzan Jr concedeu uma longa entrevista à Rádio Bandeirantes nesta segunda-feira

Publicidade

Por mais que a especulação até tenha surgido, Marcelo Gallardo jamais foi pensado pelo Grêmio para o lugar de Renato Portaluppi – cargo que, hoje, é de Tiago Nunes. Em entrevista à Rádio Bandeirantes nesta segunda-feira, o presidente gremista Romildo Bolzan negou ter feito contato com o argentino e disse que não faria negociações com o River Plate por conta das polêmicas na semifinal da Libertadores de 2018.

Na ocasião, o próprio Gallardo foi protagonista de uma quebra de regra ao descer ao vestiário da Arena no intervalo do segundo jogo para estar com os seus jogadores. Ele estava suspenso, e o regulamento vetava esse tipo de postura.

“Nunca, nunca (se tentou Gallardo antes de Tiago Nunes). Até pela situação que tivemos contra o River Plate naquela semifinal de 2018. River Plate agiu com esperteza, sem escrúpulos, totalmente contra o fair play, antidesportivo, que não daria nenhum tipo de cenário para esta situação”, alegou Bolzan.

O River, vale lembrar, virou para cima do Grêmio por 2×1 dentro da Arena com pênalti e expulsão de Bressan e foi à final, onde mais tarde venceria o rival Boca Juniors.

Léo Pereira e Nikão não serão contratados

Ainda no campo das especulações, dois nomes surgiram no noticiário do Grêmio nos últimos dias: o zagueiro flamenguista Léo Pereira e o meia-atacante do Athletico, Nikão. Para ambos, Bolzan tem a mesma resposta:

“Me “avisaram” hoje do Léo Pereira, mas o Grêmio está bem satisfeito com os zagueiros do elenco. Temos zagueiros vindo da base, como Emanuel e Heitor, que também nos servem e abastecem. Nós não temos nenhuma procura nessa função. Tanto pro Nikão como para o Léo Pereira”, confirmou.

Nikão é carta fora do baralho no Grêmio – Foto: Miguel Locatelli/Site Oficial

Douglas Costa está descartado

Se Douglas Costa trata de empolgar a torcida gremista nas redes sociais, Bolzan surge para dar um choque de realidade a todos. Na entrevista, o mandatário admitiu que se o clube tivesse passado pelo Del Valle, na pré-Libertadores, o cenário seria mais favorável para uma tentativa. Como a realidade passou a ser a Sul-Americana, o meia-atacante de 30 anos está, em suas palavras, “completamente descartado”:

“Não tem prazo para Douglas Costa. Esse jogador não chegaria rapidamente. Se tivéssemos passado, poderíamos fazer projetos mais arrojados. Como não passou, o Grêmio restringiu e nivelou a sua responsabilidade técnica, de futebol e financeira. Refizemos nossa programação. Nesse momento não temos nenhuma negociação com o Douglas Costa, embora seja um jogador querido e formado no Grêmio. Se estivesse dentro dos nossos padrões, viria com o maior prazer e com a nossa maior festa. Mas neste momento por conta de uma situação nova, de Brasileiro, Copa do Brasil e Sul-Americana, não temos a expectativa de uma contratação desse porte. Descarto completamente. Não digo nenhuma novidade, já tinha dito antes”, confirmou.

Veja a entrevista de Bolzan na íntegra a partir de 39:00:

Entre no canal do WhatsApp do Zona Mista e receba notícias do Grêmio em tempo real. (Clique Aqui)