Arena do Grêmio diz viver “situação crítica” e transfere cerca de 300 pessoas desabrigadas

Estádio não tem mais condições de servir como alojamento dos atingidos

Publicidade

Em nota oficial divulgada à imprensa, a Arena do Grêmo informou não ter mais condições de abrigar pessoas vítimas das enchentes do Rio Grande do Sul. Desde o início das cheias, o estádio gremista recebeu mais de 500 indivíduos atingidos diretamente pelas chuvas, mas a “situação crítica” do estabelecimento impede a continuidade deste serviço. A Brigada Militar está ajudando na locomoção de quem ali estava. Veja nota oficial da Arena:

A Arena do Grêmio, que serviu como ponto provisório de abrigo para mais de 500 pessoas afetadas pela enchente em Porto Alegre, enfrenta uma situação crítica. Devido à falta de estrutura adequada, incluindo a ausência de luz e água, a Brigada Militar será responsável por transferir os desabrigados para locais com infraestrutura completa.

O estádio, que se tornou um refúgio temporário para os necessitados, está agora sem condições de manter sua função de abrigo. Permanecerão na Arena apenas os seguranças. 

O translado das mais de 300 pessoas que ainda estão lá, será todo coordenado pela Brigada Militar, em uma operação que visa garantir a segurança e o bem-estar dos desabrigados. A previsão é que ocorra ainda pela manhã.

Grêmio suspende treinos

Em relação ao elenco e ao futebol, o Grêmio suspendeu os treinamentos até segunda ordem e vai esperar os próximos dias para estabelecer algum cronograma. O próximo jogo marcado é no sábado, dia 11, às 21h, fora, contra o Atlético-MG. Nota oficial da assessoria de imprensa gremista:

Informamos que os treinos no CT Luiz Carvalho estão suspensos nesta segunda-feira e enquanto persistirem os danos provocados pelas cheias. O Grêmio segue trabalhando prioritariamente no acompanhamento e suporte aos seus colaboradores e atletas e monitorando o cenário para definir a programação dos próximos dias. O Departamento de Ciência, Saúde e Performance permanece em contato com os jogadores para a orientação de treinos, com acompanhamento remoto.

Leia mais:

Ajude o Rio Grande do Sul – Doe pelo PIX – CNPJ: 92.958.800/0001-38

Ajude o Rio Grande do Sul
Chave PIX - CNPJ: 92.958.800/0001-38 Instituição: Banrisul Nome: SOS Rio Grande do Sul

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas