Após rejeitar contrato milionário com o Grêmio, Borré tem futuro indefinido e entra na pauta de outro clube brasileiro

Atacante colombiano teve nas mãos uma grande proposta gremista, mas não assinou em definitivo

Um dos grandes desejos do Grêmio para a temporada de 2021, Rafael Borré teve um lucrativo contrato com o clube gaúcho nas mãos, mas não assinou, incomodou a cúpula gremista e permaneceu no River Plate. E, agora, em vias de terminar o contrato na Argentina, volta a aparecer no noticiário brasileiro como alvo do São Paulo.

Segundo a ESPN, no entanto, a negociação é considerada como distante em decorrência dos altos salários pedidos pelo colombiano, que se aproximam de R$ 1,5 milhão mensais. O time do Morumbi é dirigido pelo ex-atacante argentino Hernán Crespo desde o início da temporada.

Antes, Borré também chegou a ser especulado em clubes como Palmeiras e do exterior, mas, até o momento, não decidiu o seu futuro. Para tê-lo, o Grêmio ofereceu R$ 11 milhões anuais em salário e cerca de 6 milhões de dólares em luvas. Na época, o presidente gremista Romildo Bolzan Jr chegou a garantir que já tinha acerto verbal.

“O Grêmio fez uma proposta ao Borré. Nós estamos negociando não é de hoje e estamos negociando vários atletas. Estamos na finalização, temos o ok, e o que falta é ele assinar o contrato. Temos acordo verbalizado. Se der certo, estaremos contratando o melhor goleador da América do Sul”, mencionou o presidente ainda no final de março.

  • Clique aqui para entrar em um grupo de WhatsApp e acompanhar as notícias do seu time.