fbpx

Alterações do meio para frente: com acréscimo de reforços, jornalista monta possível novo time titular do Grêmio

Técnico Luiz Felipe Scolari passa a contar daqui para frente com mais três jogadores

Em má fase no Brasileirão e ainda mergulhado na zona do rebaixamento sendo o 19° colocado com 10 pontos, o Grêmio não viu outra alternativa a não ser buscar reforços dentro do mercado da bola para qualificar o time. E a opção foi ir ao continente sul-americano, já que as dificuldades no mercado interno e na Europa foram grandes.

O primeiro a chegar foi Miguel Borja, que fez a estreia na vitória de virada sobre a Chapecoense marcando gol de pênalti. Já o paraguaio Mathías Villasanti, que é volante, já está no BID e aguarda o primeiro jogo, que ainda não será neste sábado, 21h, diante do São Paulo.

O próximo da lista será o meia-atacante Jaminton Campaz, de 21 anos, que está sendo contratado pelo Grêmio por cerca de R$ 20 milhões junto ao Tolima. Estes três acréscimos motivaram o jornalista Eduardo Gabardo, da Rádio Gaúcha, a esboçar um possível novo time titular. A formação ficou assim:

Brenno; Vanderson, Geromel, Kannemann, Cortez (G. Guedes); Thiago Santos, Villasanti; Douglas Costa, Jean Pyerre, Campaz; Borja.

Especificamente sobre Villasanti, sua chegada é uma reposição imediata à venda de Matheus Henrique ao Sassuolo, da Itália, que também terá o zagueiro Ruan a partir de janeiro de 2022.

Gostou do site? Então deixe sua curtida:

Publicidade

Utilizamos cookies. Aceitar Ler políticas